Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Marias que iluminam as noites!


Maria.

Tudo que sei daquela simpática senhora.
Sua coluna dobrada como arco pronto para lançar a flecha.
Nas mãos, duas sacolas de sonhos.
Carregava alimentos?

Quem sabe...

Olhou-me com olhar de menina.
Irresistível energia:
Ofereci-me para levar seu fardo.
Não que pedisse e nem mesmo reclamara – estava serena.

Para onde? Perguntei!
Para a lanchonete. Quero tomar um copo de leite.
Fiquei feliz em acompanhá-la.

Meu coração queria pagar-lhe o sorriso.
Acho que não foi um bom pensamento.
A lanchonete estava fechada.
Dona Maria, linda como uma flor do campo,talvez com mais de setenta primaveras.
Ela não se incomodou. Encostou seus pensamentos na parede.
Seu olhar calmo decidia silenciosamente naquele labirinto de ruas:
Qual direção iria seguir...

Continuou sorrindo, deixando o deleite do leite para outro dia.
Eu, fiquei muito feliz por conhecer a bravura de uma guerreira,que luta sem perder a ternura:

Sob um manto de estrelas brilhará invisível aos nossos olhos em ruas que pisamos noite e dia.
Característica de uma grande mulher.

Maria estrela singular.

Jaeder Wiler.
posted by jaederwiler-poeta at 8:01 AM

0 Comments:
jaeder wiler
Enviado por jaeder wiler em 19/08/2006
Código do texto: T220234
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
jaeder wiler
Mantena - Minas Gerais - Brasil
359 textos (17380 leituras)
9 e-livros (8150 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 18:34)
jaeder wiler