Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Crônica da Auto-Ajuda

*Culinária de A a Z*: Prefiro coisas naturais a industrializados. Não procuro saber quantas calorias tem determinado alimento, pois acho que se olhamos isso, significa que estamos com vontade de comer; e se as calorias forem altas, nos acarretará um sentimento de culpa por comer. Não me preocupo com relação ao que dizem os nutricionistas, se tal alimento faz bem ou mal; isso muda constantemente, e na minha opinião, varia com o metabolismo de cada um; já ouvi dizer que o café faz bem e que faz mal; que abacate engorda e não; e assim por diante. Mas como em tudo na vida, o excesso faz mal. Com exceção de chuchu e o agrião, o resto, aprecie com moderação.

*36 Maneiras de Amar* – Só conheço uma: com o coração.

*10 Mandamentos Para Mulheres Decididas* – Seja você mesma. Vocês encantam os homens de qualquer jeito. Mesmo que tenham dúvidas. E paro por aqui. Se começar a falar de vocês mulheres, este texto ficará muito grande.

*10 Segredos para o Sucesso e a Paz interior*: Fazer o que gosta é um bom passo para se obter sucesso, na amplitude da palavra, e não num desvio denominado dinheiro, que é a conseqüência do sucesso, e não o seu sinônimo. O mais difícil, porém, talvez seja escolher o que a gente realmente gosta. Um bom caminho, na minha opinião, é eliminar o que não gostamos. Fazer o que gosta talvez seja um bom cominho para a paz interior também. Não me pergunte se ioga faz bem para isso, pois nunca fiz ioga.

*100 Coisas para Fazer Antes de Morrer*: Comprar um caixão, adquirir uma apólice de auxílio funeral e conseguir alguns bens para que seus herdeiros tenham na vida um mínimo de tranqüilidade. O caixão e o seguro servem para ninguém ficar indo atrás dessas coisas na hora que você morre. Não há nada mais chato do que isso. Deixe que eles tenham que comprar apenas as coroas de flores.

*101 Coisas que o Diabo Não Pode Fazer*: Nossa! Tô com medo desse....Será que foi escrito por Stephen King? Será que haverá um filme com esse título dirigido por Wes Creaven? Será que será estrelado pela Linda Blair???

*1000 Lugares para conhecer antes de morrer*: Uma boa cama. Uma praia deserta. Um sítio em alguma cidadezinha inóspita. Pensando bem, qualquer lugar, desde que esteja com a pessoa que você ama.

*As 100 leis da felicidade*: Seria pretensão demais responder essa. Eu não conheço nem a minha lei para alcançar a minha felicidade. Pensando bem, eu conheço. A felicidade não é uma praia deserta que alcançamos ao atravessar um mar com ondas gigantes, desviando de tubarões e alcançando exausto a sua margem. Felicidade não se atinge. Felicidade se vive, assim como, infelizmente, a tristeza. Não alcançarei a felicidade, mas terei momentos felizes. Quando brinco com meus sobrinhos, sinto-me extremamente feliz. Quando jogo bola também. Assim como quando assisto um bom filme, ouço uma boa música ou saboreio uma pêra (daquelas bem maduras, que se desintegram com nossa mordida. Quantas calorias tem uma pêra mesmo???). Mas ligar a TV aos domingos, ou no horário eleitoral me deixa extremamente triste. Saber que no mundo existem guerras por nada também. Ter receio de caminhar tranqüilamente pelas rua, por medo de ser assaltado também. E por aí vai.

Por incrível que pareça, esses (*) são títulos de livros publicados (o primeiro, fiz uma pequena modificação, pois era “medicina alternativa de A a Z”). Não li nenhum deles e nem pretendo ler. Acho até que deve haver coisas interessantes neles. Porém, estipular quantidade de regras, maneiras, ou jeitos de atingir a felicidade, o amor, ou que quer que seja, é duvidar da minha capacidade de discernimento. Não existe regra para ser feliz, nem para amar. Existem regras na matemática, na política, no trânsito, e em tantas coisas chatas que existem por ai. Não se baseie pelo que eu escrevi. As “regras” que escrevi aqui servem apenas para mim. Eu me conheço, e não aos outros.

Esse é meu texto de auto-ajuda. Acho que cada um pode ter o seu, mesmo sem saber escrever. Basta seguir seu caminho com o coração, com a alma. Deixar a intuição decidir. Permitir que seus sonhos permeiem suas ações. Estas são minhas “leis”. Mas só servem pra mim. Afinal, um livro de AUTO-ajuda (ou uma crônica!), como o próprio nome diz, só serve para quem escreveu.

ilsanches@gmail.com
Ivan Sanches
Enviado por Ivan Sanches em 30/08/2006
Reeditado em 31/08/2006
Código do texto: T229154

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ivan Sanches
Santo André - São Paulo - Brasil, 34 anos
141 textos (12234 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 18:16)
Ivan Sanches