Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Proteja seu cão

Por Rodrigo Capella*

Quando você for ao trabalho, não esqueça de fechar as janelas e trancar todas as portas. É nesse momento, longe do dono, que o cão procura novas aventuras. Basta alguns passos e uma pequena força para ele se arremessar como se fosse um pássaro bêbado. O resultado?

Guilherme Angelo não consegue esquecer do dia em que Scobby, um beagle ciumento, se atirou da varanda. “Ele caiu no concreto. Corri pela escada e fui ao encontro de meu companheiro, mas ele estava todo ensangüentado. Rapidamente, levei Scobby ao Hospital Veterinário e vi, com tristeza, ele passar vários dias internado. Foi um dos piores momentos da minha vida”, relata o empresário, segurando uma foto de seu amigo canino.

Hoje, o cachorro está bem. Mas, Guilherme sente-se culpado e pede conselhos para evitar uma nova queda de Scobby. A veterinária Angelina Rodrigues, do Pet Shop AuAu Mania, orienta: “não adianta trancar o animal num único lugar, pois ele pode enfrentar sol ou frio. O ideal é colocar tela em todo apartamento, inclusive nas varandas. Isso vai resolver o problema”.

Assim como Scobby, o norwicht terrier Lelus, de seis anos, já viveu algumas aventuras, longe e perto de seu dono. “Ele é um cão muito assustado. Se o vizinho usa a furadeira, o Lelus foge para debaixo da cama. Agora, se eu ligo o rádio ou o secador que ele abaixa a orelha, o cachorro encolhe o rabo e foge para a cozinha, como se tivesse levado uma bronca. É incrível. Lelus já é um adulto e se comporta como se fosse uma criança”, desabafa o auditor Ricardo Silva, que já teve mais de seis cães, todos da raça norwicht terrier.

Angelina explica que esse tipo de atitude pode estar relacionada aos primeiros contatos do cão com a água e sugere: “se o dono quiser, por exemplo, ver o primeiro banho do animal, ele deve ficar fora da sala, olhando pelo vidro ou assistindo pela televisão. Os cães não gostam de barulho e se sentem incomodados. Felizmente, na relação homem-cão, pode-se curar os traumas com bastante carinho e uma certa dose de cuidado”.

No decorrer dos anos, alguns cães chegam até a se acostumar com os ruídos. É o caso do labrador Ingale, de seis anos, que sai correndo em direção á porta toda vez que escuta a campainha tocar. “Ele não leva sustos, espera eu abrir a porta e recepciona a visita”, diz o radialista  Benjamin Back, o Benja, do programa Estádio 97, acrescentando que, ao contrário de muitos cães, Ingale não sente medo quando ouve o barulho de um secador ligado.

Se o seu cachorro se comporta como o animal de estimação do Benja, você já tem um problema a menos para se preocupar. Mas, não dê um sorriso agora e preocupe-se em olhar todas as tomadas de sua casa, aconselha o veterinário Leandro Murakami. “Elas precisam de protetores, dessa forma o cachorro não toma choque. Vá a uma  loja de artigos de R$ 1,99. Lá, você vai encontrá-los.
A veterinária Angelina, do Pet Shop AuAu Mania, vai além e alerta que o cão pode ter queimaduras graves ao morder um fio que transporta energia elétrica. Portanto, vale uma dica: chame o eletricista e faça uma check-up no seu apartamento. Tenha certeza que todos os fios estão presos e longe do focinho canino.

Pronto, agora você já está preparado para ir ao trabalho e até mesmo tirar as férias, vencidas há pelo menos dois anos. Só não esqueça de trocar a água do cachorro e de colocar mais ração no pote. Ah! E se possível, peça para o vizinho não ligar a furadeira. Veterinários alertam que o cachorro pode se assustar e entrar numa profunda depressão.

(*) Rodrigo Capella é escritor, poeta e jornalista. Autor de vários livros, entre eles “Como mimar seu cão”, “Enigmas e Passaportes” e “Transroca, o navio proibido”, que vai ser adaptado para os cinemas pelo diretor Ricardo Zimmer. E-mail: contato@rodrigocapella.com.br

Últimas novidades:

Seu cachorro corre todo dia atrás de uma cadela diferente? Aplique, então, o removedor de odores, um produto revolucionário que acaba com esse tipo de experiências constrangedoras.

A primeira fralda para cães acaba de chegar ao mercado. Ela pode ser usada em cachorros de pequeno e médio porte, evitando sujeiras dentro de casa, no carro, áreas verdes e, até mesmo, shopping center.

Empresa lança esmaltes coloridas e especialmente desenvolvidas para os cães. Os produtos são encontrados nas cores verde e amarela e conferem um maior patriotismo aos cachorros.

Um shampoo foi desenvolvido para proporcionar uma melhor qualidade de vida aos cachorros estressados. O produto contém óleos essenciais naturais e ajuda a restabelecer a harmonia entre a mente e o corpo.

Os cães já podem usar um cartão de descontos exclusivo, que oferece preços especiais em farmácias de manipulação, ofurô, consulta, vacina, banho, tosa e adestramento.


Antes de ir ao trabalho, faça um check-list:

( ) Tranquei a varanda

( ) Desliguei os eletrodomésticos

( ) Fechei todas as portas

( ) Abracei o cão
Rodrigo Capella
Enviado por Rodrigo Capella em 24/09/2006
Código do texto: T248145
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rodrigo Capella
São Paulo - São Paulo - Brasil
106 textos (5892 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 03:30)
Rodrigo Capella