Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Relembrar para não sucumbir ao ópio!

Meu primeiro voto, o único que fez-me gratificada e poderosa. Um cidadão apolítico que caiu de para-quedas na folia eleitoral nos anos setenta, eleito com mais de 80% dos votos válidos para a prefeitura local, fez em quatro anos o slogan da cidade mudar de "corredor da fome" para "Capital Universitária", belos tempos aqueles... Nesse meio tempo o comércio mudou, ficou aglomerado de pessoas jovens, estudantes, fazendeiros e o movimento era explendoroso, as faculdades recebendo seus alunos vindos de outras localidades, até mesmo de outros Estados, não havia estrutura para abrigá-los e por isso foram criadas pensões nas casas mais espaçosas, foram contruídos hotéis e assim o desenvolvimento se fez, mas... Depois vieram os outros políticos e demoliram toda a estrutura construída, juntamente nessa demolição ruíram minhas esperanças. Perdi o entusiasmo de acreditar nos novos que a cada eleição se apresentavam, sempre com a mesma ladainha de que transformariam tudo... E realmente a transformação se consolidava mas para pior e pior, numa decadência total, levando a cidade à bancarrota e o povo a se sentir envergonhado de ser cidadão de bem!
Daí eu pergunto: será que ainda há esperança de que milagres aconteçam? A presidência é um cargo almejado por muitos, mas será que os que aí estão farão por merecer cada voto angariado?

Ninguém merece ser tão apunhalado,por tanto tempo e por tantas mãos corruptas!!!

Chega de  baixaria e dinheiro na mala, na cueca, no bolso de imbecis metidos a governantes; chega de poluição, podridão parlamentar; chega de tantos atos absurdos para com o povo que já está cansado de tanta farra política!

       C H E G A ! ! !

Hoje estou TOTALMENTE INDIGNADA E APOLÍTICA!

Nina
Enviado por Nina em 30/09/2006
Reeditado em 30/09/2006
Código do texto: T253092

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Nina_Tupã - SP/ nininha_1308@hotmail.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nina
Tupã - São Paulo - Brasil
726 textos (41762 leituras)
2 e-livros (96 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 11:14)
Nina