Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

As dores de uma vida...

Tudo enfim começa, desperta, aperta, começa, fadiga, espeta...Tudo...enfim começa... As dores de uma queda, quando bebê, saia a andar, as dores da menina ao de uma bicicleta cair e chorar, as dores de uma briga, com suas amigas, relações acabar, talvez, a dor do aperto tão forte, ao tê-las de volta, um abraço for dar... As dores do primeiro amor, aquela loucura, só facinação, as dores de uma doce tortura, fazer uma escolha, entre o sim e o não... As dores de uma noite inteira, dores derradeiras, sem cura, sem fim, dores de coração partido, dor de ouvido, dor no ventre, no rim... As dores de noites mais quentes, abraços tão fortes, que vem aconchegar, dores de amores perfeitos, dores de felicidade, o prazer de amar... As dores de uma despedida, de uma triste partida...dores do veneno dos sonhos, da viagem comprida... a passagem da vida... Então, as dores do parto, as dores felizes, a pro-criação, dores, de amor-aconchego, dores sem medo cheias de emoção, dores de quem educa, dores de quem teme o pior, dores de quem quer proteção, dores penetrantes, de quem quer o melhor, dores de saudade, dores da metade de um coraçõa, dores de noites não dormidas, dores sofridas, de preocupação... As dores de quem adoece, de quem não esquece sua linda história, as dores de um acidente, uma dor de dente ficou na memória... As dores de quem está indo, garota partindo, mulher sem demora... As dores de quem já se foi, deixando um vazio, para o amanhã e o agora... Dores, que vão cessar, mas permanecer para a vida inteira... Dores de partidas livres, de falecimentos noturnos, de paixões que não queira... Logo, dores do adeus, quem dores sentia, não mais vai sentir...dores do utimo suspiro, do ultimo sussurro, do ultimo sorrir... Adeus, procura tua luz, sentiu tanta dor, ir embora é a saida... Agora, somente uma hitória, eterna e intensa, das dores de uma vida!
Daiane Rodrigues
Enviado por Daiane Rodrigues em 20/06/2005
Código do texto: T26121

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Créditos (criação): Daiane Rodrigues. - Não é permitido usar esta obra para qualquer fim sem a permição da autora.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Daiane Rodrigues
Américo Brasiliense - São Paulo - Brasil, 27 anos
392 textos (25449 leituras)
1 áudios (108 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 20:22)
Daiane Rodrigues