Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

                    Clausula de Barreira restringe a democracia. 

     Não tenho duvida que a clausula de barreira limita o direito das pessoas participarem do poder político. Qual partido que consegue se impor ou crescer sem apoio da mídia, sem ajuda do estado? 

     Lista fechada é uma coisa, voto de legenda é outra. É evidente que se o eleitor está votando num candidato automaticamente também está votando na ideologia do partido, isto é democracia. Talvez o que falta é consciência política do eleitorado em distinguir partido político e candidato. Porém, não é restringindo direito que se constrói a democracia. 

     Os partidos menores de certa forma é a porta de entrada dos iniciantes na política. Quando se escolhe os candidatos que vão participar das eleições, primeiro são escolhidos os que já são estão no poder, depois são filhos ou parentes. Enfim, primeiro seleciona os mais interessantes, aí sim, se abre oportunidade para as vagas restantes. Também existe um limite máximo para cada partido lançar candidatos. 

     São através de vários partidos que se abre o leque para vários candidatos se lançarem. Os partidos menores oferecem aos cidadãos participarem da vida publica sem a necessidade de serem coadjuvante ou servirem de trampolim para os políticos de bastantes votos. Embora, que alguns espertos usam de partidos menores para saírem da concorrência forte. Mas isto faz parte da democracia. 

     A clausula de barreira certamente limitará a quantidades de candidatos. Na democracia quem escolhe aqueles que vão governar o país é o povo e assim, se reserva a ele o direito de eleger quem quiser, por conseguinte, dá o direito a qualquer cidadão que se interessar, quem quer que seja. Temos ai um exemplo, um sem estudo na presidência. Ele exerceu o direito dele que é participar e o povo de escolhê-lo, e hoje é o candidato mais cotado para ganhar o segundo turno. 

     Se hoje temos vários políticos bons e atuantes, são políticos que surgiram dos pequenos partidos, hoje se impuseram como políticos. O que esta clausula de barreira certamente impedirá, pois, manterá uma panela na política sem ao menos a perspectiva de mudança. É hipotético o que vou dizer: Imagina 10 partidos combinarem de lançarem exatamente o numero de candidatos suficiente para preencher as vagas tanto do congresso quanto do senado. Ai fica uma reflexão: Quais serão os parlamentares que se elegerão? Serão os mesmos. Como o eleitor vai eliminar aquele candidato que não merece mais permanecer na vida publica elegendo outro, se não haver opções? Infelizmente, sabemos como pensam os políticos em sua maioria, será que esta hipótese é tão lunática? 

     Outra hipótese: os 10 partidos combinam de aumentar 10 a 20 % de candidatos acima do total necessário e coloca candidatos sem a mínima chance de ganhar, apenas para ludibriar a sociedade. Aí fica de novo a reflexão, isto é democracia? Sabemos que há um número máximo de candidatos, porem, não há um limite mínimo. 

     Volto a repetir, há mil maneiras de acabar com a farra dos partidos pequenos sem restringir o direito dos cidadãos, e até mesmo solucionar algumas brechas da legislação. Tem muitos políticos ruins de partidos ditos grandes que entram pela porta do fundo devido a certos colegas de partidos terem muitos votos. Sendo assim, se candidatos de partidos pequenos são beneficiados por altas votações de legenda, há nos grandes esta ocorrência também. Não tenho duvida que isto possa ser equacionado sem restrição de direitos. 

     Se certos políticos podem ser beneficiados e estimulados a se manterem na vida publica, por terem grande popularidade, porque outras personalidades não podem? Isto é preconceito puro.
Ataíde Lemos
Enviado por Ataíde Lemos em 14/10/2006
Reeditado em 14/10/2006
Código do texto: T264049
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Ataíde Lemos
Ouro Fino - Minas Gerais - Brasil, 51 anos
5266 textos (1219467 leituras)
5 e-livros (11756 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 17:19)
Ataíde Lemos

Site do Escritor