Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O fumante

Quando fumo _  perfumo,
com nicotina e tabaco, os cabelos,
os pêlos, o quarto; mau hábito.
No hálito o cheiro insuportável do cigarro.
Reclamo o beijo, por você negado... Outro cigarro.
Quando fumo nem percebo; mal educado... Exagero!
Bitucas e cinzas pelo chão,
de você, reclamação;
para outros, minha ingratidão.
Quando fumo, sou cético.
Não acredito naqueles mórbidos slogans do governo.
Não invejo o pulmão exposto na fotografia,
nem a pirotecnia machista,
broxa...Todos seremos um dia.
Quando fumo... Cof... Cof!
Droga de pigarro.
Catarro; falta de ar...
Socorro uma ambulância...


+ A família enlutada convida para o enterro do distinto autor.
   
 

PS: O Ministério da Saúde informa:
    Sandro Colibri não é fumante.
Sandro Colibri
Enviado por Sandro Colibri em 23/10/2006
Reeditado em 09/06/2011
Código do texto: T271729
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sandro Colibri
São Paulo - São Paulo - Brasil, 45 anos
523 textos (52450 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 03:32)
Sandro Colibri