Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Homem e o Amor



O Homem e o amor

O homem chega ao mundo, é o milagre da vida!
Tomando conhecimento de que vive, pergunta-se ainda confuso do seu destino. O que é, por que aqui está e, para onde irá depois que tudo isso chegar ao seu limite final?
São interrogações para as quais não consegue uma resposta plausível; apenas tem certeza dos impulsos, dos instintos e começa a sua romaria em busca de verdades.
A sabedoria é o seu rumo mas o apego material o atrapalha.
Pensa que está no mundo para usufruir de forma irrestrita e compulsiva todas as coisas ao seu alcance.
Deseja ser feliz, aspira um grande amor.
A visão do poder, o dinheiro fácil a vida próspera o leva a consumir, acumular tesouros perecíveis e, a vida passa, porque o viver também tem um limite.
Perplexo, sofre as decepções; amargurado perde o sentido das coisas mais certas; o amor passa a ser uma espécie de ódio e de indiferença para com tudo e com todos.
A certeza de que nada tem e que pouco adiantou os falsos tesouros que tanto esforço lhe custou, o faz sentir-se inútl, aniquilado, derrotado.
A solidão apavora os seus dias. Num derradeiro apelo pergunta-se angustiado , onde está o amor? O que será afinal esse sentimento?
Pensava que o amor poderia ser circunscrito, planejado, limitado ao círculo familiar, aos "amigos" ou então, vivificado nos prazeres do corpo, entregue às luxúrias e volúpias dos desejos.
Acabrunhado percebe que o amor não é nada disso ou antes, poderia até ser ensaiado em tudo isso, para poder despertar na própria arte de viver.
Finalmente é possível compreender que não é o amor que o faz sofrer; o sofrimento torna-se tanto mais profundo quanto maior for o sentimento de posse que gera ciúmes, violências e martírios.
O amor não é sacrifício.
O verdadeiro amor engrandece, traz alegrias, sabe perdoar e construir.
O amor é uma dádiva, é nobre oblação.
O amor ilumina e faz crescer.
O amor é a própria verdade, é a realidade.
O amor traz a esperança e a certeza de um porvir com felicidade, na ação reparadora e retificadora de quem sabe salvar.
Amar portanto, é ensinar a viver; é dedicar-se à arte de educar, cultivando valores positivos, com muito carinho e dedicação.
Amar, é aprender a caminhar; é encontrar a salvação e o próprio reino de Deus, aonde quer que vá.
 
Claudenice Rosário
Claudenice Rosario
Enviado por Claudenice Rosario em 02/11/2006
Código do texto: T280235
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Claudenice Rosario
Alagoinhas - Bahia - Brasil
54 textos (4435 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 16:27)