Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PÂNICO NA INTERNET

24/05/2003 - 13:39
Tive um pesadelo esta noite.
Acordei e me lembrava claramente que uma escritora dizia aos prantos que o Usina de Letras tinha fechado.
Dizia também que tinha perdido três anos de textos ali depositados na base do arquivo 'stand-by'.
Perguntei a ela: Você falou com Alexandre?
Ela disse não, porém fui várias vezes ao portal para postar novos textos e verificar a contagem de visitas feitas aos meus textos e não consigo 'abrir' o UL.
Fui verificar, no sonho e o portal não abriu.
Pensei: nossa isto vai ser um fudunço pois temos mais de 50.000 autores que hospedam seus textos lá.
Comecei cantar ... 'entre as manias que tenho' um artigo-crônica que escrevi em homenagem a advogada, poeta e escritora Ivone Carvalho que costuma postar seus lindos textos logo de manhã.
Sempre foi fácil, pois a hora que começo trabalhara a Ivone está colocando as novidades.
No artigo dizia que a autoria da musica era do Dick Farney, prontamente corrigido pela conhecida e querida escritora, Joyce Cavalccante e dando o nome correto do autor era o Flavio Cavalcante e a musica ficou imortalizada pelo Dick Farney (chego a pensar que era o Lucio Alves).
Porém pesadelo é pesadelo ...
Resolvi então telefonar para perguntar a Ivone Carvalho, no sonho, se estava acontecendo algo na UL. Ela disse com aquele humor de quem sempre está de bem com a vida: Douglas deve ter sido um pequeno problema de manutenção do site.
Pode ver que já deve estar em ordem, se aconteceu algo.
Acordei e mesmo antes de tomar café, fui ver se o Usina abria.
Abriu lógico e todo aquele patrimônio literário de mais de 10 anos estava lá.
Teremos então que pensar em outro assunto pois este não passou de um pequeno susto.

Agora falando um pouco mais sério penso que portais como o Usina de Letras, o Palavreiros do incansável José Geraldo Neres e o Rio Total da conhecida Irene Serra e outros que não me ocorrem agora, devem se transformar em ONGs - Organizações Não Governamentais.
Isto é justificado devido ao grande valor histórico e informativo que mantém devido ao trabalho não remunerado de pessoas ligadas a palavra.
Pessoas que fazem de sua vida uma causa que temos que sempre lembrar e ajudar sob todos os aspectos .

Continuei cantando, entre as manias que tenho, uma é gostar de você...

Douglas Lara.
http://www.usinadeletras.com.br/exibelotexto.phtml?cod=21364&cat=Artigos
24/05/2003 - 13:39
 
Douglas Lara
Enviado por Douglas Lara em 22/11/2006
Código do texto: T298127
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Douglas Lara
Sorocaba - São Paulo - Brasil, 78 anos
517 textos (131743 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 23:10)