Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tarde de Chuva

Sentada perto da janela em minha sala, contemplo a chuva que cai e invade o ar levantando o cheio de terra molhada. Sinto-me bruscamente invadida, forço-me então a fechar os olhos e a sensação de estar desnuda diante daquilo é constante.

A culpa talvez não seja da chuva, ou do ar... mas da esperança de ser inundada por um amor que me aqueça, me introduza, me acalente a alma!

Ao abrir os olhos, ja cansados por pensar em sensações e não consegui-las sentir, vejo que meu mundo está calmo e vazio. A chuva que antes penetrava minha mente e meus instintos, agora se foi e abriu um sol impenetrável.
Anna Valentina Belaciano
Enviado por Anna Valentina Belaciano em 22/11/2006
Reeditado em 04/09/2014
Código do texto: T298543
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Anna Valentina Belaciano
João Pessoa - Paraíba - Brasil, 35 anos
30 textos (1799 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 00:51)
Anna Valentina Belaciano