Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O que posso fazer de bom por minha cidade?

          Experimente pelo menos uma vez ao mês, desligar o celular, o computador, a TV, esquecer os problemas, as dívidas ou as dúvidas. Escolha um momento de calma, do tamanho de sua paz e faça uma caminhada com passos curtos e lentos pelas ruas de sua cidade.
          Procure sentir que o ar, o clima, a temperatura da sua terra ainda são puros e bons.
          Verá que muita coisa mudou, cresceu, multiplicou ou ficou melhor, longe da sua pressa e stress.
          Você verá coisas que seus olhos reprovarão e que farão vocë refletir, comparar, ignorar, sorrir e chorar. Talvez tudo isto sirva para minimizar sua indiferença pela cidade que o viu nascer e crescer. Então, certamente verá mais coisas que o agradará do que o decepcionará , mas que ainda é o melhor lugar para se viver e amar.
          Haverá sempre uma nova flor em sua caminhada, ma nova cor, uma arte, um flerte passional, um sorriso amistoso, uma árvore emoldurando a paisagem, uma nota suave de perfume, uma música que transcende, uma casa mais em sua rua ou um novo vizinho.
          Sentirá que a cidade não é mais aquela de outrora, mas que ainda existe é a sua cidade, mais moderna, problemática e mais velha, que não se caducará e jamais o substimará.
          Ao caminhar faça este exercício, espontaneamente, sem pressa, colocando-se aberto à crítica e auto crítica, questionando sempre:
- O que posso fazer de bom pela minha cidade? Esta atitude é um privilégio de poucos, nos dias de hoje.


               


 
Sergio Pacheco
Enviado por Sergio Pacheco em 24/11/2006
Código do texto: T300206
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sergio Pacheco
Sabará - Minas Gerais - Brasil, 58 anos
105 textos (5341 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 20:12)
Sergio Pacheco