Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Questão de Gosto

Às margens do rio Castelo vivem urubus em seu habitat natural. E junto com eles vivem, harmonicamente, os galináceos da população ribeirinha.

Não se sabe ao certo se são as pessoas que não alimentam as aves domésticas, ou se é o sabor e a aparência que são muito atraentes, o que se sabe mesmo é que as galinhas comem, com muito apetite, as fezes humanas que são despejadas no rio.

Para isso usam de um ardil muito interessante: ficam de espreita perto da boca do esgoto, esperando a chegada dos quitutes. Quando eles aparecem as galinhas avançam vorazmente, e não perdoam: comem.

De vez em quando sai briga por causa das iguarias. São muitas galinhas em cima do mesmo petisco. Mas a briga não dura muito, pois a causa da mesma se esfarela e desce, literalmente, por água abaixo.

Uma coisa é certa, e ninguém pode negar: as galinhas são muito asseadas! Depois de se fartarem à mesa e besuntarem o bico nas guloseimas, o limpam cuidadosamente no capim e saem de papo cheio, contentes com o lauto banquete.

Castelo, 15 de setembro de 1993.
Fábio Selva Stelzer
Enviado por Fábio Selva Stelzer em 30/11/2006
Código do texto: T306255

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Citar o nome do autor .). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fábio Selva Stelzer
Vitória - Espírito Santo - Brasil, 37 anos
28 textos (3457 leituras)
3 áudios (385 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 21:19)
Fábio Selva Stelzer