CapaCadastroTextosÁudiosAutoresMuralEscrivaninhaAjuda



Texto

Como fazer uma crônica



Bom pensei em um formato ideal para uma crônica e ficou mais ou menos assim:

Pense me um fato do cotidiano, pode ser a politica, o contexto mundial, o ambiente familiar etc. uma crônica ( de cronos o Deus do tempo) está sempre ligada ao cotidiano. (observe essa minha crônica chamada "Conversa de miúdo".

A mãe na pia, lavando aquela montanha de louça depois da bacalhoada e o miúdo sai com essa.

Observe que a narrativa é informal e intimista, uma conversa intima. Pode haver até a presença de diálogo:

_ Mãe, hoje tem escola?
_ Você quer dizer aula. Não filho, hoje é domingo de Páscoa.
_ Ah! Queria ir na escola hoje.

 

Observe a presença da oralidade em "Mãe, hoje tem escola?". Em uma crônica a fala coloquial pode aparecer.

 

O fato aqui - uma conversa ente mãe e filho é um pretexto para que o autor exerça sua criatividade, ou comunicar uma angustia. Nesse caso expressei um inconformismo com algumas escola mostrando a alegria de uma criança com sua escola. Uma crônica pode apresentar um certo lirismo, ou seja, uma linguagem com tom poético. Sinta a poesia e a leveza nesse conversa.

 

A mãe se vira e lança um olhar curioso para o filho.
_ Minha professora contou que a páscoa não é só o ovo de chocolate. Ele contou de Moisés, e de Jesus também. Sabia que ele ressuscitou, mãe?
_ Sabia, filho.
_ Mãe, você achou bonita a ovelha que eu pintei?
_ Achei linda, filho.


_ A professora deu um  bombom junto. Todos na escola ganharam. Você acha que a escola gosta da gente, mãe?
_ A escola são as pessoas que trabalham nela filho, suas professoras, os funcionários, a direção. São eles que gostam de você.


_ Minha professora gosta de mim. Ela brinca comigo, e até está me ensinando a ler, né mãe?
_ Todos gostam, filho. As pessoas que trabalham na sua escola escolheram isso porque gostam de criança e gostam de ensinar.
_ Tem criança que estraga a própria escola, mãe. Eu não faço isso nunca. Acho minha escola linda.


Diz coisa séria por meio de uma aparente conversa fiada.


_ Nem todas as escolas são como a sua, meu pequeno. Há lugares em que as pessoas pensam diferente, acham que escola são pequenas fábricas de construir aprendizes. Se esquecem de presentear e de brincar por acham que isso não é importante.

_ Ainda bem que minha escola é não é assim, né mãe.
_ Ainda bem filho.


  Uma crônica deve ter natureza ensaistica, ou seja ser breve, fazer criticas de maneira leve, expor idéias e reflexões filosofica a cerca de um determinado tema.

 

Uma crônica deve ainda ser falar um fato moderno, sujeito a transformação e a fugacidade da vida moderna. A sensibilidade no contato com a realidade sem falar muito, em forma de sintese dá o recado de uma crônica.



Norma
Nola
Enviado por Nola em 03/08/2011
Reeditado em 20/06/2012
Código do texto: T3136164

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (http://normadaeducacao.blogspot.com/2011/08/como-fazer-uma-cronica.html). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Comentários

Sobre a autora
Nola
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 43 anos
302 textos (46611 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/07/14 13:48)