Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LONGE, MUITO LONGE


Supreendo-me ao rever uma foto que nem lembrava mais. Ali estou eu numa das muradas de San Marino e abaixo la pianura um tanto sem relevo da Emilia-Romagna, terra que amo. Lembro daquele domingo. Estou prestes a deixar a Itália e conhecer San Marino foi uma espécie de dolorida despedida. A foto flagrou minha tristeza.
Mês de maio límpido, o ápice do Monte Titano, turistas subindo caminhos medievais. A república mais antiga do mundo, apesar do nome pomposo, é só isso: um monte que se eleva, um museu de armas, três ou quatro fortalezas e umas casinhas miúdas. Em época remota, San Marino emitia moedas próprias, e os seus selos já eram cobiçados por filatelistas.
Enfim. Descemos o Monte Titano de volta a Rimini. Às vezes nascemos em determinado país, mas nossa alma não obedece, está geograficamente longe. Em Rimini encontrei-me como ser humano. Lá eu re-nasci. A Viale Americo Vespucci presenciou minhas caminhadas apressadas, o rio Marecchia escutou conversas bobas de um coração apaixonado. Capuccino com torta de maçã do bar da Via Triste. As deliciosas piadinas – com rucula e prosciutto - na Piazza Tre Martiri. A garrafa enorme do Trebbiano di Romagna comprada no supermercado.
Nas vitrines do Corso d´Augusto meu rosto branco às vezes brilhava mais que o vidro, a felicidade cintila. Na Chiesa di San Girolamo acendi velas para os mortos queridos. Ri muito quando vi que não eram velas de verdade, eram bastonetes que se acendiam com interruptores. Meus amados lá em cima estariam rindo também?

Olho para a foto já meio sem cor. O rapaz triste. O Monte Titano que estará sempre perto do céu. Os selos do museu não servem mais para enviar cartas e postais. Mais uma paisagem passou por mim.
Tudo parece estar longe, sem palavras para medir a distância.


Raimundo de Moraes
Enviado por Raimundo de Moraes em 17/07/2005
Reeditado em 11/07/2012
Código do texto: T35196

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Raimundo de Moraes
Recife - Pernambuco - Brasil
43 textos (8364 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 09:56)
Raimundo de Moraes