Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Inteligência e Simplificação



A vida moderna acaba por nos submergir em compromissos e complicações sem fim. Contas, agendas, papelada, armários e escrivaninhas entulhadas, coisas velhas e imprestáveis que vamos acumulando.
Para simplificar a vida seria necessário desentulhar as gavetas físicas e mentais de toda a inutilidade que acaba por se transformar num lastro que dificulta a nossa caminhada.

Um amigo me contou noutro dia que costumava andar para cima e para baixo com uma enorme valise onde jogava de tudo sem saber ao certo quando iria utilizar aqueles objetos: bússola, canivete, calculadora, lanterna, régua, cartões de crédito, do clube, de fidelidade, saúde, seguro, revistas, livro comprado no sebo, relógio quebrado, máquina fotográfica, mini-gravador, meia dúzia de canetas, celular. Certa vez, andando pela cidade com aquela enorme e pesada valise, um homem caminhou em sua direção sorrindo, com uma mala exatamente igual à dele e perguntou: Você também é representante de laboratório farmacêutico? Meu amigo disse que não e o homem abriu a valise enorme mostrando aquela montanha de amostras-grátis que o vendedor distribuía para os médicos.

A mala do vendedor tinha a sua utilidade diária. Meu amigo, que era engenheiro, desconversou e saiu de fininho. Percebeu a cômica situação e que precisava simplificar a vida se livrando daquela enorme mala.

Quando ele me contou essa história, fiquei pensando que a nossa mente assemelha-se a essas valises enormes que carregamos para cima e para baixo sem saber ao certo o porquê e para que. Para simplificar a vida, eu precisaria estar muito atento evitando acumular na mente coisas inúteis, informações que não servem para nada.

Esse pensamento de descomplicar a vida deveria estar sempre presente, pois as amarras materiais nos impedem compreender o seu verdadeiro significado e real objetivo, que não é outro que o de se aperfeiçoar e colaborar com as outras pessoas neste sentido.

Simplificar a vida exigirá, antes de tudo, muita atenção no que se faz e no que se pensa, coisa que não é muito fácil, acostumados que estamos à distração e a matar o tempo. Aproveitar o tempo deveria significar aproveitar a vida, quer dizer, usar o tempo livre para pensar, para criar, para aprender com a Natureza, com os livros, com as outras pessoas e, muito especialmente, com a nossa própria vida.

www.nagibanderaos.com.br
Nagib Anderáos Neto
Enviado por Nagib Anderáos Neto em 23/08/2005
Código do texto: T44585
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Nagib Anderáos Neto
São Paulo - São Paulo - Brasil
366 textos (88001 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 20:16)
Nagib Anderáos Neto