Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Céu azul...

Obervo este lindo céu azul e vejo os contrastes com as nuvens cinzentas que aos poucos vai tomando o campo celeste, anunciando um fim de tarde chuvoso. Vejo frágeis mulheres andando apressadamente, com suas bolsas bem coladas ao corpo, para não serem abordadas por algum assaltante...

Vejo a vida seguindo com carros apressados e motoristas mal educados, avançando faixas de pedestres impunemente e bicicletas a mil por hora. Ao alto, mas não no céu, prédios de fachadas esplendorosas, com vidros fumês elegantes e gente trabalhando com ar condicionado no mais forte frio. Vejo gente falando sozinha pela rua, ora repassando projetos a serem executados, ora conversando com seu anjo da guarda. Vejo mulheres com saias generosas para sobreviver ao forte verão carioca...

Olho para o alto e mais uma vez te vejo, céu azul, céu de brigadeiro, céus dos deuses e titãs, vestindo a vida aqui embaixo com uma linda tonalidade de penumbra azulada, por causa da chuva que há de vir no fim da tarde... há de vir e lavar a vida que tu mesmo vestistes, será?
Cavaleiro
Enviado por Cavaleiro em 28/02/2005
Código do texto: T5378
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Cavaleiro
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 40 anos
1 textos (100 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 30/09/16 00:13)
Cavaleiro