Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Festa das Etnias e A Coroação da Lalka Polska


Nadir Silveira Dias


Não é a primeira vez que fico maravilhado com a apresentação, com o esforço, com a dedicação, com a capacitação técnica e com o desempenho praticamente circense em muitas das danças do folclore da comunidade polonesa, dessa etnia tão bem adaptada e consagrada entre nós, especialmente nos três estados do Sul.

Além da perfórmance propriamente dita, um espetáculo à parte são os coloridos vibrantes da indumentária dos dançarinos, dos bailantes, músicos e cantantes.

Dentre inúmeras outras apresentações folclóricas, já os presenciara antes na Festa das Etnias, todas belíssimas, com o destaque da força presencial dos irmãos poloneses brasileiros. Excelentes!

O espetáculo foi apresentado no Auditório Dante Barone da Assembléia Legislativa no dia 3 de maio, Dia Estadual da Comunidade Polonesa no Rio Grande do Sul, conforme consagrado na Lei Estadual n° 11.949, de 28.08.2003, proposição de iniciativa do Deputado Estadual Sérgio Stasinski, e sancionada pelo Governador do Estado, Germano Rigotto.

A instituição da data tem origem na promulgação da Constituição Polonesa, em 03 de maio de 1791, consoante bem o lembra o livro-opúsculo editado pela Associação Brasil-Polônia para o Rio Grande do Sul, Braspol – RS, do Município de Nova Prata, para assinalar o “Marco da 1ª Comemoração”, frisando o seu presidente André Hamerski que o reconhecimento da data é de extrema importância para a comunidade.

A seu turno, em homenagem na Sessão Plenária da Assembléia Legislativa, o Deputado Estadual Iradir Pietroski enaltece a data que homenageia os imigrantes poloneses e a colaboração que prestaram ao Rio Grande do Sul.

Seus hábitos e costumes, o comportamento alegre, a genuína capacidade de enfrentar adversidades e as roupas coloridas em dias de festa e de dança, foram algumas das características dos poloneses destacadas por Pietroski. Segundo ele, os imigrantes chegaram ao Estado em 1875 e a estimativa atual é de que um milhão e meio de brasileiros sejam de origem polonesa.

Nesse segmento, importante consignar que a Polônia foi marcada por ocupações e agressões ao longo dos séculos, tendo a sua primeira Constituição promulgada em 3 de maio do ano de 1791, tendo sido o Brasil o primeiro país da América Latina a reconhecer a legitimidade desse governo independente, em 1920, e, em 1961, tiveram elevadas as relações diplomáticas com a nomeação de um Embaixador. Neste momento, o povo polonês constrói uma nova e relevante experiência com o ingresso daquele país no Mercado Comum Europeu.

Por sua vez, Inácio José Cornowski, Presidente da Sociedade Polônia, assevera que a data resgata uma dívida com a imigração polonesa, que muito contribuiu para o engrandecimento do Estado. Na ocasião, afirmou que "Já estamos nos mobilizando para que esta data fique marcada no calendário oficial do Rio Grande do Sul, faremos de tudo com toda a comunidade de etnia polonesa e de outras etnias para que nos apóiem para que tenhamos uma grande festa e que seja valorizada esta data".

Lauro Marmilicz, Prefeito de Guarani das Missões, a capital da colonização polonesa no Estado, acentua que a homenagem é uma contraprestação ao trabalho desenvolvido pelos imigrantes poloneses, dizendo textualmente: "Para nós do município, que temos uma população de 80% de descendência polonesa, sem dúvida é um marco onde vamos fortalecer e reverenciar as raízes e toda a participação dos poloneses no Rio Grande do Sul".

A propósito de Guarani das Missões, estará se realizando no Município a 6ª Polfest, no período de 27 a 30 de maio, no Parque de Eventos Clemente Binkowski, conforme bem o destacou o Correio do Povo, edição de 09.05.2004 (http://www.correiodopovo.com.br).

“Para quem quer conhecer um pouco mais da cultura polonesa, a alternativa pode ser a 6ª Polfest, em Guarani das Missões, de 27 a 30 de maio. A cidade, de 9 mil habitantes, se prepara para receber 50 mil visitantes, no Parque de Eventos Clemente Binkowski, com programação variada. A 6ª Feira do Artesanato (Feart), os Jogos de Integração da Etnia Polonesa no Mercosul e shows são algumas das atrações. A festa será aberta oficialmente dia 28, às 16h, com a presença do governador Rigotto.

Desfile étnico-cultural das escolas, retratando as etnias que colonizaram o município, abrirá a programação da festa dia 28, às 9h, na praça Caramuru. A rainha da 6ª Polfest, Tamira Kazmierczak, e as princesas Isabel Bubans e Karin Bobrzyk destacam, entre os atrativos, a coroação da Lalka Polska (boneca polonesa), as apresentações de grupos folclóricos e a gastronomia típica.”

Assim, como bem se pode constatar, belezas não faltam para ver nas festividades, além da possibilidade de degustar a gastronomia típica da etnia.

Está esperando o quê?

Nadir Silveira Dias
Enviado por Nadir Silveira Dias em 09/10/2005
Reeditado em 06/11/2005
Código do texto: T58071
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Nadir Silveira Dias
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil
1036 textos (153797 leituras)
4 e-livros (380 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 16:28)
Nadir Silveira Dias