Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"PÓ BRILHANTE" DE VIDRO

Na década de 70 era comum todo trabalho em Escolas terem que ser recoberto de "pó brilhante".

Como nem sempre podíamos comprá-lo na lista do material escolar da pequena lista que recebíamos na Escola, destacávamos um para recolher garrafas nas ruas, levadas e vendidas no "Café do Pina".

Na hora da venda para adquirir ingresso para assistirmos filmes no Guarany, a preferida e mais valorizada na hora da venda, eram as garrafas de cor escura, justificando que a cerveja ficava melhor dentro delas, as outra que recolhíamos nas ruas, transformávamos em “pó brilhante”, com o qual apresentávamos os trabalhos escolares.

Lembro-me bem de uma vez que apresentamos um trabalho escolar que tinha tanto "pó brilhante" de vidro, que mapa do Brasil pesava quase meio quilo! "Ah, que saudades do meu tempo de criança” escola Adalberto Vale, no bairro do Morro da Liberdade, em que fazíamos isso! Uma vez, recebemos de presente para o Grupo Escolar, uma "vitrola" amarela, como prêmio da Policia Rodoviária Federal.

O desenho era do colega de sala, Roque de Almeida Lima, hoje engenheiro elétrico e advogado, que desenhava muito bem, era meu texto era meu. Mas. Mas mais lembro o tema. Só sei que era sobre conscientização para evitar acidentes em Estrada.

Os anos não me permitem mais lembrar, e não lembro também qual o prêmio individual recebemos pela primeira colocação no concurso estadual, mas acho que foi uma medalha de ouro, em uma fita verde e amarela, o que era muito comum nos amos 70!


Viramos a sensação na Escola pela conquista de primeiro lugar entre todos os trabalhos inscritos.
carlos da costa
Enviado por carlos da costa em 17/07/2017
Código do texto: T6057130
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
carlos da costa
Manaus - Amazonas - Brasil, 57 anos
1627 textos (119562 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/11/17 03:55)
carlos da costa