Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A P E L O

Vem, meu amigo
Aprende este caminho!
Ainda que a estrada
Te pereça iluminada.
Estás te pertubando.
E a hora já é chegada.

Por que, meu amigo.
Desfazer um ninho
Que repleto esta
Da passarada
Em busca de um carinho?

Desperta!
Eu sou a madrugada
Que tenta refrescar
A tua fronte
Encalorada.

Vem comigo!
Erraste em teu caminho.
Aqui estou
P´ra contornar
A estrada,
Pois que sabemos
Ser longa
Esta jornada.

Destes espinhos,
Construiremos uma Estrada
Que, mais tarde,
Será iluminada
Pela renúncia
Que ofertares
Com carinho.

A  revolta é uma arma
Que paraliza toda caminhada.

Oferecer perdão
Aquele que não sabe
Cultivar a lei Divina,
É esperado de quem tem,
Pelo menos,
A luz  da lamparina.

A luz foi feita
Para ir ao encontro
Das trevas
E onde houver trevas
Haverá sempre um Cristão
Ao seu encontro,
Com toda devoção.

O homem
Não tem o direito
De atacar
E sim de perdoar,
Orar e silenciar!

Então, assim poderemos
A este homem rezar
E, como tal, Classificar.
Jaubert
Enviado por Jaubert em 30/08/2007
Código do texto: T630283
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jaubert
São Paulo - São Paulo - Brasil, 60 anos
158 textos (6011 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/08/17 20:55)
Jaubert