Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Barreiras a vencer

Barreiras estão aí aos montes, prontas para serem vencidas... devoradas... desbravadas... Quem nunca precisou enfrentá-las?

Ana Luiza, Analu, para os amigos, e ela tem muitos, um lindo bebê forte e saudável, nasceu com um pequeno problema físico, faltava-lhe uma das perninhas. A família desesperou-se, reação absolutamente normal, pois nada tinha sido detectado na ultra-sonografia. E por um longo tempo a menina permaneceu escondida por detrás das mantas, e tantas outras roupas que se colocam nos bebês.

A pequena foi crescendo, e já não fazia mais sentido esconder, porém ela passou a ser alvo da piedade alheia, e isso incomodava muito seus pais, afinal ela realmente não tinha uma perna, mas em casa se equilibrava na única perna que possuía.

Um parente próximo vendo o sofrimento dos pais resolveu se informar, enfim tomar alguma iniciativa com relação a tudo isso. Contatos feitos, decidiram viajar, iam para a capital onde havia mais recursos. Foi uma luta, pois eles não possuíam dinheiro para arcar com muitas despesas... entre consultas, médicos, exames etc... e muitos meses passados, Analu adaptou-se maravilhosamente bem à prótese, e voltou para casa andando, no início com a ajuda de muletas.

Hoje ela faz todas as atividades que todas as meninas de sua idade fazem, é feliz, alegre, freqüenta o pré-escolar, é excelente aluna e adora dançar. Pratica ballet, já há uns três anos, iniciou pouco depois de colocar a primeira prótese.

Ontem assisti a mais uma das apresentações de Analu, que já se adaptou à segunda prótese. Os olhos das mães das bailarinas mirins brilham, mas os olhos de Celeste, mãe de Analu, tem um brilho todo especial. E para aquelas pessoas que sentiam pena, hoje ela já conquistou o respeito e a admiração. E seja em música clássica ou contemporânea, seu bailar tem o mesmo vigor e suavidade, sendo sempre aplaudida de pé, não por pena, mas por mérito próprio. E posso afirmar ela encanta; a pequena bailarina, que ainda travará muitas batalhas, terá muitas barreiras a transpor, e superará muitos desafios e acontecimentos, afinal sua trajetória está apenas no inicio.

Meus sinceros aplausos a todos que vencem barreiras todos os minutos, e fazem de seu lema de vida a superação.

02/09/2007 

OBS: Crônica baseada em um fato real, com nomes alterados. Tema proposto pelo Fórum - Tópico: Crônicas.

Cláudia Zin
Enviado por Cláudia Zin em 02/09/2007
Código do texto: T635324
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cláudia Zin - http://recantodasletras.uol.com.br/autores/claudiazin). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cláudia Zin
São João Del Rei - Minas Gerais - Brasil, 50 anos
305 textos (40097 leituras)
3 e-livros (92 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/17 00:11)
Cláudia Zin