Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Frase de André Gide

Sábado frio e neblinoso. Final de labuta. Saio e vou tomar minha cervejinha no barzinho da Dona Heloísa, situado ao lado do meu “monastério”-Escritório-, no sossegado e bonito Centro de Fortaleza.

Tudo carinhosamente no “inho”, para dar mais sabor à cerveja e à vidinha “marromeno”, como costuma dizer um amigo.

Primeiro gole...

Olha quem me aparece: Senhorita Iara com seu caderninho de anotações.

Aqui abro um parêntese. Em meus cursos e palestras, tenho por hábito chamar todas as mulheres presentes de Senhorita, independentemente da idade ou situação civil. Sabe por quê? Para evitar aborrecimento. É sim, evitar aborrecimento!

Explico melhor: Em meus cumprimentos, de dez Senhoras, assim chamadas, umas quatro ou cinco respondem: “Senhora está no Céu”, e ainda acompanhado de um trejeito rejeitador.

Como solucionar esse contratempo? Pensei... Pensei... Eureca... Por oposição! A partir de agora vou chamar todo mundo - as mulheres - de Senhorita. Pois não é que deu certo, leitor! Até agora, nenhuma mulher me disse "Senhorita está na Terra." Foi-não-foi, uma, uma “unzinha” só, repete bem baixinho em tom de branda reprimenda: “Senhora...”

E, assim, por extensão...,“Senhorito”, para os homens. Deu certo, repito. Tão certo que esta jocosidade, estrategicamente estudada, tem outras serventias: Descontrair o público e a mim também. Início de palestra, por mais experiência que se tenha, não há como evitar a adrenalina apostando corrida nas veias.

Ah, sim, ia esquecendo: Quando percebo que o ambiente é muito formal, aí não tem jeito: danço conforme a música.

Eita, que a emenda ficou maior do que o soneto. Mas ficou bem explicadinho, creio. E cá entre nós, era isso o que eu queria.

Voltemos à Senhorita Iara.

- E ai, menina, qual a frase do dia.
- Ah, professor, a frase é `limpeza´... de André Gide. Vê se o senhor gosta.
- Senhor está no Céu. - Respondo. E aproveito o cabimento para declamar a trova que li por aí:

“Não me chame de senhor,
Que eu não sou tão velho assim.
E ao seu lado meu amor
Eu não sou senhor nem de mim.”

Ela ri. Ri consciente do seu riso e acrescenta:

- Ah, sei. Sei, professor, já havia esquecido dessa sua história... Da Senhorita... Vou ler a frase.

- Tenha a bondade.

Iara tem por hábito transcrever as frases da seção “Biscoito da Sorte”, que é parte do suplemento O Buchicho, do jornal O Povo. Ela poderia muito bem recortar as frases e colar em seu caderninho. Muito mais prático. Mas não, gosta mesmo é de escrever.

A frase: “As coisas mais belas são ditadas pela loucura e escritas pela razão.”

- Maravilha, Senhorita Iara, maravilha! Você sabe quem foi André Gide? E a conversa se espicha até o final do último gole, num sábado frio e neblinoso.
AIRTON SOARES
Enviado por AIRTON SOARES em 10/09/2007
Código do texto: T645777

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor para o site http://airton.soares.zip.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
AIRTON SOARES
Fortaleza - Ceará - Brasil, 65 anos
243 textos (62350 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 11:54)
AIRTON SOARES