Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quando aprendermos a Amar

Passaram vários séculos e cada uma teve o seu padrão de beleza. Até que chegamos ao século XXI, em que as pessoas se tornaram doentias se preocupando mais com a estética da matéria do que com a estética da alma ou do espírito, seja lá o que for.
 
Existem várias lendas que contam sobre o encontro entre o belo e o feio, todas essas histórias terminam em amor eterno, isso porque essas histórias falam do amor verdadeiro. Muitos querem amar e ser amado, mas tem medo de se entregar ao amor...

Mas infelizmente vivemos hoje num mundo em que o materialismo, que as formas esculturais e a posição social são muito mais importantes. Se o homem ou a mulher for bonito... “Beleza”. Se forem “ricos” melhor ainda.
 
Não importa se são vazios internamente, tendo esses adjetivos é o que basta.Talvez, seja por isso que encontramos uma porção de pessoas infelizes e insatisfeitas.

Às vezes encontramos defeitos no outro que não existe, isso porque encontramos muitas vezes em nós mesmos, defeitos que também não existe. Os psicanalistas, dizem que somos reflexos da outra pessoa.
 
E mesmo não querendo admitir, eles têm total razão.Quando começamos a nos relacionarmos com alguém começamos a não gostar de certos defeitos que essa pessoa tem, porque simplesmente estamos nos olhando para um espelho.

E quem é, que gosta de ver seus próprios defeitos? Uma pessoa às vezes pode ser, egoístas, mesquinhas, prepotentes, orgulhosas, ansiosas, submissas e por ai á fora...
 
Quando começarmos a nós observar, notaremos que às vezes também temos esses mesmos hábitos e temos que extrair esse problema para fora.

A conclusão é, que na verdade nos apaixonamos mais pelos defeitos do outro do que pelas suas virtudes, sendo assim somos mais apaixonados pelos nossos defeitos do que pelas nossas virtudes.
 
Diz o ditado “O roto falando do rasgado” É mais fácil criticar do que consertar. O mal das pessoas, é que criticam muito e pouco faz por elas mesmas e pela outra pessoa.

Penso que será difícil alguém ser feliz totalmente se não corrigirem e nem avaliarem seus próprios defeitos... Mas como fazer isso?
 
Todos dizem que é preciso se amar, se dar valor, todas essas coisas são realmente indispensáveis, mas cheguei à conclusão que não é o suficiente, pois nem todas as pessoas não se amam e nem chegam a se valorizem o quanto deveria e nem tão pouco são perfeitas o quanto imaginam.
 
Precisamos sim, corrigir em primeiro lugar nossos defeitos e não sentir vergonha deles. Toda vez que, começarmos a ver os defeitos do outro se auto-analisar e admitir a si próprio que também é assim ás vezes, se corrigir e depois ajudar o outro a se corrigir.

Cada pessoa tem o seu momento de acordar, você faz sua parte mostrando ao outro onde ele está errando, reconhecendo que também não é perfeito, que também tem defeito e que está trabalhando para corrigi-los e que quer ajudá-lo.
 
O importante é saber que, Ninguém Muda Ninguém que somos nós que mudamos e que a vontade dele não é a mesma que a sua, que ele tem o livre - arbítrio.

Isso se chama Respeito.Quando mudamos nosso comportamento automaticamente a outra pessoa muda.
 
Se em uma discussão, se não revidarmos ou se virarmos as costas ou até mesmo se nos calarmos estaremos nos estressando menos.

O comportamento do outro será de raiva por ignorá-lo, mas isso uma hora o fará pensar porque brigou. Em segundo conscientizarmos que um relacionamento que não há amor verdadeiro, não é capaz de sobreviver.
 
Quem vive apenas apaixonado, não consegue ser totalmente feliz, pois a paixão não tem controle e quando não sabemos controlar a paixão dificilmente chegamos ao amor verdadeiro puro e genuíno.

A paixão é a preparação para o amor, com a paixão aprendemos entender os nossos ciúmes infundados, o porquê de tanta ansiedade.
 
Quando conseguimos analisar essas coisas e quando conseguirmos controlar todo esse sentimento negativo, virá então o segundo estágio que pode ser ele... Amor ou Nada. Platão diz:
 
 "O amor é o mais jovem dos deuses dotado de uma eterna mocidade, que visa exclusivamente à beleza da alma. Sutil, penetra nos corações, sem que estes possam percebê-lo.

Ele é um intermediário, um grande gênio, ao qual cabe transmitir aos homens as ordens dos deuses, e aos deuses as preces dos homens".
 
Amar alguém é exatamente isso, o amor verdadeiro é incontrolável, sua mente, sua vontade não comanda esse sentimento, você realmente não percebe quando ele chega e quando chega você se senti confuso, não consegue entender esse sentimento, porque ele é diferente de todos os sentimentos que já sentiu na vida.
 
A felicidade está em Amar, sem se importar quem se ama. Amar,mesmo sem se importar se é amado ou não. Ele não traz dor; ele não é egoísta; ele não arde em ciúmes; não é autoritário nem possessivo; ele é livre; têm o aroma das flores; respeito e compreensão; segurança e paz.
 
Ele nos ajuda superar os obstáculos da vida porque o amor vem sempre acompanhado da esperança, paciência, perseverança e determinação, são capazes de fazerem você lutar por seus sonhos sem se importar com o tempo ou a energia que irá dedicar nessa busca.
 
Quando aprendermos a analisar nossos defeitos; quando pararmos de sentirmos medo de sofrer pensando se um relacionamento pode dar certo ou não; quando conscientizarmos que qualquer relacionamento tem seus espinhos e quando soubermos tirá-los com delicadeza e amor estaremos aprendendo a amar e sendo mais felizes.Porque toda e qualquer felicidade só depende exclusivamente de Você.


13/07/2005
SBernardelli
Enviado por SBernardelli em 31/10/2005
Reeditado em 10/02/2014
Código do texto: T65730
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
SBernardelli
Caraguatatuba - São Paulo - Brasil
912 textos (289782 leituras)
25 e-livros (11513 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 15:49)
SBernardelli