Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Pum na Missa

"Seo" Leopoldo era um velho. Quantos anos ele tinha? Na minha adolescência não consgui precisar a idade do velho. Mas era velho, muito velho. Contavam histórias das peripécias do "seo" Leopoldo. Diziam que era o campeão em pegadinhas, impuias e sacanagens em geral. Normalmente sem nenhuma conseqüencia maior que um grande constrangimento da vítima.
Todos na cidade conheciam o velho Leopoldo. Caminhava o dia inteiro, sem pressa, transportando seu corpo magro de um canto pra outro da cidade. Parando aqui e ali para um conversinha, levando recados e fazendo os outros largarem seus afazeres e caminharem para descobrir que os recados não passavam de simples trote.
Todos na cidade iam à missa aos domingos. Num domingo desses, a igreja lotada, "seo" Leopoldo estava em pé, no lado dos homens em meio a outros. A igreja tinha o lado dos homens e das muheres. No meio da missa ele resolve soltar seus gases. Fez um trejeito típico, destinado a disfarçar o volume da "arte". Mas foi infeliz. O pum foi pereitamente audível no silêncio entre uma reza e outra.  O vizinho da frente, "seo" Jacó, muito mais gordo que Leopoldo, virou-se abruptamente olhando-o irritado. "Seo" Leopoldo, longe de se atrapalhar, bateu nos ombros de Jacó, dizendo:
   - Não se preocupe. Isso também me acontece, às vezes!

 
Luiz Lauschner
Enviado por Luiz Lauschner em 21/09/2007
Código do texto: T661942
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Luiz Lauschner
Manaus - Amazonas - Brasil, 65 anos
467 textos (101102 leituras)
1 e-livros (87 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 11:03)
Luiz Lauschner