Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Murchando aos poucos...

Hoje meu coração amanheceu apertado, quase não cabendo dentro do peito, chegando a deixar de ser sensação pra ser dor física.
Eu já não estou agüentando mais essa espera, essa falta de solução, essa incerteza, essa angustia.
Uma parte de mim grita e a outra se cala. E eu já não sei mais qual delas ouvir.
Como pode um dia o dia mudar de cor assim tão rápido?
Que raiva dessa dependência emocional pelos outros. Tem horas que me dá vontade de sumir, desaparecer, perder a memória, surtar pra ver se passa essa sensação de impotência.
Deveríamos sim, vir todos com estrelas na testa, todos com marcas visíveis aos olhos e principalmente ao coração pra ver se assim sofreríamos menos com quem não vale a pena. O que me deixa mais indignada é a objetividade com que é tratada a vida.
Estamos sendo usados e só sabemos usar as pessoas. Que lei é essa?
Eu estou realmente desgostosa desse mundo...e faz tempo. Mas parece que a cada dia essa vontade aumenta dentro de mim, como se eu lutasse ,contra algo ou contra a minha sensatez, dia após dia.
llelle Martins
Enviado por llelle Martins em 24/09/2007
Código do texto: T665790

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
llelle Martins
Patrocínio - Minas Gerais - Brasil, 33 anos
17 textos (34108 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 17:11)