Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

oS SoNhOs DuM BrAsiL

Passaram 500 anos,
passou o sonho de Cabral,
esqueceu-se o hino nacional;
O brado retumbante mudou de sentido
de aclamador agora sufocando num clamor...
As injustiças nublaram o sol da liberdade,
seus raios fúlgidos, tornaram-se fugidios
já não brilha para todos,
O pehor da igualdade tornou-se desigual
o rico sobe ,o pobre desce
o braço forte acabou acorrentadado
pelas desigualdades sociais
A pátria amada ainda é amada, sim
por aqueles que ficam impunes
das suas corrupções,
passam ama-lá tanto
para continuarem com  seus privilégios politícos
e novamente cometerem seus erros
e continuar livres da justiça
De uma justiça dos olhos vedados
e de passos tão lentos, dum tempo de
preocessos CPI,s e pizzas,


ultrapassamos 500 anos
vivemos de sonhos...

Dum raio de esperança
que "talvez" um dia à terra desça
Um sonho heróico...

Oh pátria amada SALVE    SALVE-SE...

Reinaldo Silveira
Enviado por Reinaldo Silveira em 24/09/2007
Código do texto: T666945

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Reinaldo Silveira
Governador Jorge Teixeira - Rondônia - Brasil, 36 anos
272 textos (31270 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 16:02)
Reinaldo Silveira