Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Produto do meio

PRODUTO DO MEIO

(Hélio da Rosa Machado)


Quando estudei a matéria de filosofia na saudosa Faculdade de Direito de Campo Grande-MS (FUCMAT), chamou-me a atenção a citação de um dos filósofos - não me recordo qual deles: se Aristóteles;Sócrates; Platão etc -  afirmando que o “O homem é produto do meio”.

Evidente que as teorias filosóficas que abrangem a conduta humana são inúmeras, mas cada um de nós tem o direito de filiar-se a uma delas, dentro dos aspectos empíricos que assimilou na vida cotidiana ou até pelo conhecimento científico que teve acesso, ou que se dedicou, dentro dos parâmetros da profissão que abraçou ou nos meandros da sociedade que convive, considerando que a dinâmica da vida exige posicionamentos que vão desde a vida profissional até a vida social, situando cada pessoa dentro da sua esfera de convivência humana.

  Reparo que em certas ocasiões vejo pessoas dizendo que “filho de peixe ‘peixinho’ é”. Ocorre que muitas pessoas dizem isso com base nos laços sangüíneos, afirmando que o filho de cantor tem no sangue a veia da música e certamente ocasionará uma carreira voltada para essa área. Discordo dessa forma simplista de ver as coisas.

 Uso o próprio esporte para justificar minha teoria. Alguns países têm aptidão para determinados tipos de esporte. Os Estados Unidos são hegemônicos em basquete, futebol americano e basebol. O Brasil e a Argentina são conhecidos no mundo todo como peritos em futebol e em voleibol, fazendo exportação de muitos jogadores para o exterior, principalmente para a Europa. O mesmo ocorre nos jogos olímpicos, quando fica evidente que os países que mais investem nas diversas modalidades esportivas é que são consagrados com o maior número de medalhas, como é o caso do Estados Unidos e Cuba. Enfim, tudo aquilo que é produto do meio tem a tendência de se tornar algo concreto e efetivo no mundo das glórias.

Assim é também  a vida de cada pessoa que em regra evolui de acordo com as oportunidades que lhe foram oferecidas. Assim, o filho do pobre para ser grande, terá de enfrentar maior dificuldade do que aquele filho rico que terá maior acesso ao estudo, podendo desenvolver maiores possibilidades de crescimento. Evidente que em tudo que tratamos sempre haverá as exceções que não podem ser computadas nesta exegese.

Deus colocou as pessoas no mundo para crescerem. Os espíritas afirmam que essas pessoas possuem o livre arbítrio e são enviadas à terra para crescerem espiritualmente. Embora não sendo adepto dessa religião, penso que o caminho é realmente esse, ou seja, o ser humano nasce com uma alma lavada, em igualdade de condições perante o seu semelhante, mas as oportunidades que lhes serão  reservadas é que o farão alcançar um mundo melhor, seja no aspecto material ou espiritual. Esse princípio vale para tudo, inclusive nas questões da criminalidade, nas questões sociais, nas questões raciais, nas questões políticas etc.

Destarte, não é só o filho do cantor que pode ser cantor. Esse dom pode emergir de qualquer lugar, desde que as pessoas tenham a oportunidade de aprender. As crianças aprendem quase todos os ensinamentos que lhe são passados, dependendo, logicamente, na sua capacidade de absorção e também do seu empenho que também – em muitos casos – está ligado à sua vocação, quando a criança gosta mais de uma coisa do que de outra.

Não há dúvida porém, que o filho do cantor terá maior acesso ao produto música, considerando que crescerá ouvindo música. A tendência dos filhos é prestar atenção nos pais, seguindo-os no que lhes agrada e fazendo o que consideram legal nos pais.  Dentro dessa ótica de raciocínio, não é absurdo pensar que o subjetivismo de uma nota musical (visto aos olhos do leigo) torne-se algo mais palpável e concreto para aquele que vê no dia-a-dia a existência daquela nota.


Por todas essas razões, não tenho dúvida em acreditar que o “homem é produto do meio”; acreditando que esse princípio seja a forma mais correta de resolver os dilemas do Universo, eis que as soluções para os problemas e conflitos poderão ser equacionadas a partir da idéia de que havendo oportunidade teremos mais gente alcançando o degrau da fama.

Machadinho
Enviado por Machadinho em 28/09/2007
Código do texto: T672190
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Machadinho
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil
622 textos (200080 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 03:31)
Machadinho