Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

                              (Barra de São Miguel - Alagoas)

                              

A Insatisfação Positiva...



     

“Estou insatisfeita com alguém ou com alguma coisa, então, sou infeliz.”

 “A insatisfação traz a infelicidade.”


         
  
Será que essas afirmações são, realmente, verdadeiras?

O que significa insatisfação positiva? E a negativa?





            
Hoje li um ‘pensamento’, aqui, no Recanto das Letras, instigante em beleza e ao mesmo tempo em tristeza. Beleza pela emoção que nele contém, entretanto, a melancolia e inquietude das palavras expressam tristeza.  O texto  refere-se a insatisfação da autora com relação a vida amorosa. Ela oscila entre querer e ter, conquistar e afastar, perder e reconquistar... É uma miscelânea de sentimentos e dúvidas, gerando a satisfação temporária e, logo em seguida, uma insatisfação prolongada obtendo como resultado a infelicidade. É o ‘pensamento’ declarado de que TUDO vira NADA. E, cada vez mais, o vazio se espalha na alma e no coração, enraizando-se... 

        A escritora expressa a insatisfação de maneira poética. 'Poetar' é, também, uma sublime maneira de extravasar a dor e pedir ajuda...  Enfim, o desânimo e a incerteza são conclusivos no texto. Confesso:  não consegui ficar alheia a tudo isso! 

        Ao visível desprazer  da autora vou chamá-lo de insatisfação negativa. Trata-se de um sofrimento ininterrupto ao qual a pessoa se sente perdida. Retirando o exemplo do texto, a autora QUER, CONQUISTA E TEM, sentindo-se feliz! Em seguida, um vazio toma conta de si, gerando a insatisfação negativa... A partir daí, AFASTA-SE E PERDE-O! Porém, continua descontente... Então parte para a RECONQUISTA, mas o desprazer persiste. É o liame entre a insatisfação  e a felicidade.  

       A insatisfação negativa, portanto, resulta da ausência de intimidade e de sintonia que o ser humano tem de si. O desconhecimento interior faz com que as escolhas sejam erradas e a conquista torna-se insignificante... A euforia passa como um vendaval! Esse tipo de situação é comum em qualquer área, quer seja amorosa, profissional, religiosa etc. Mas, reagir a tudo isso leva a pessoa ao crescimento, ao amadurecimento. Qualquer uma conhecendo-se profundamente ou não, em determinadas situações ficará insatisfeita.
 

        O que diferencia a insatisfação negativa da positiva? A diferença reside na visão que se tem do desapontamento. A insatisfação positiva conduz o indivíduo a observar as próprias falhas e limites, aprendendo a se conhecer melhor, evoluindo. A evolução surge com o autoconhecimento. Assim, pode-se escolher de acordo com a capacidade e as possibilidades dentro do limite de cada um. Dessa forma, diminui a expectativa e, conseqüentemente, a insatisfação ou desilusão. No entanto, se a realização pessoal estiver sob a dependência de outra pessoa ou coisa, deve-se mudar a direção da satisfação. Quando há o controle da própria vida as coisas tornam-se mais fáceis: as conquistas são mais saborosas; o vazio ficará mais distante; e o encanto permanecerá.



       A VIDA é repleta de percalços, o desafio está em superá-los!



      Sejamos felizes!




      30.09.2007 (20:35)







Ana Costa
Enviado por Ana Costa em 30/09/2007
Reeditado em 04/03/2008
Código do texto: T675197
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Ana Costa
Maceió - Alagoas - Brasil, 56 anos
125 textos (433900 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 21:36)
Ana Costa