Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CRIANÇA

CRIANÇA

Criança teu nome é fome
Fome, não pela lagrima que rola em tua face
Não porque mendigas, pela praça sem vida
Olhando estatuas de pedra que circulam ao teu redor.
Teu nome é fome, não por tua barriga cheia de vermes e vento.
Reclama o pão que apenas vês na vitrine,
Que teus olhos famintos têm que devorar através dos sentidos da indiferença  dos vidros.
Teu nome é fome não porque te chamas
Zé ou talvez nem te chames
Que importa teu nome se apenas te vejo com fome
Devias ser Judas,talvez pagasse assim com fome o que fizeste ,a Deus
Más és apenas criança flor de pedra desta gincana de ferro
Cria-te bandido e mau entendido,
É apenas Zé,Criança,flor murcha ,Estendido na praça;
Só te conheço por fome...
Eberl
Enviado por Eberl em 03/10/2007
Código do texto: T678589
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Eberl
São Paulo - São Paulo - Brasil
26 textos (1701 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 03:50)
Eberl