Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESTRELAS SOLITARIAS

Um pequeno alerta àqueles que se acham superiores aos demais...
somos todos iguais perante a lei (ou quase...)
mas somos todos iguais perante Deus *(sem exceção...)
Osculos e amplexos,
Marcial

ESTRELAS SOLITÁRIAS
Marcial Salaverry

Existem muitas pessoas que se julgam sempre merecedoras de uma atenção especial, acreditando-se superiores aos demais mortais, julgando que estes apenas devem ter o prazer de aplaudi-los.
Pensam que, por terem uma cultura aprimorada, nada mais devem aprender e os demais apenas podem beber nas águas de sua sabedoria.
Desfilam sua empáfia onde quer que se apresentem, e quem se atrever a não reverenciá-los, merece castigo severo...
Esquecem-se de sua condição de mortais, o que implica na falibilidade, já que apenas a Deus pode ser atribuída a infalibilidade (e há quem discuta...).
Esquecem-se de que todos sempre estamos aprendendo algo de alguém, e por vezes, de quem menos se espera, recebemos grandes lições de vida e de humildade.
Esquecem-se principalmente de que todos precisam de todos. Cada qual em sua especialidade tem que ser respeitado, desde o coletor de lixo, até o Presidente da Republica. Cabendo uma ressalva... será muito mais notada a falta do coletor de lixo, do que do presidente...
Este tema foi sugestão de uma amiga muito querida, que me passou o seguinte e-mail:
"Olhe pensei numa mensagem, que gostaria que você analisasse com carinho. Há lugar para todas as estrelas brilharem no céu, e mesmo aquelas que brilham mais, nada seriam se estivessem solitárias.
O sol, em sua grandeza, não pode brilhar infinitamente, precisamos da chuva para regar a vida na terra. Por que será que algumas pessoas querem brilhar sozinhas? Por que será que estas pessoas, que com certeza, tem sua parcela de importância intransferível, acham que os outros devem ter menos importância que elas? Não há lugar para todos? Não sou perfeita, não sou mesmo, nem gostaria de ser, mas graças a Deus fico feliz, de fato, quando vejo alguém conseguir vencer, e quando este alguém é conhecido, amigo, melhor ainda."
Sem qualquer sombra de dúvida, uma pequena aula de humildade que deveria ser bem aprendida por todos aqueles que se julgam superiores aos demais.
As estrelas solitárias tendem a isolar-se, pois não conseguem manter-se em uma coletividade, já que ninguém gosta de ser espezinhado.
A essas sumidades, atrevo-me a fazer uma sugestão (jamais poderia atrever-me a dar-lhes um conselho), qual seja sempre que estiver em contato com alguém que não tenha o mesmo nível, seja de cultura, seja de conhecimentos práticos, seja do que for, esse alguém ser-lhe-á grato se, ao invés de menosprezar sua inferioridade, que procurem ensinar-lhe o que sabe.
Dividindo seus conhecimentos, estarão ajudando esse alguém a melhorar e isso, sim, seria usar adequadamente suas melhores condições.
Ocorre que a essas "estrelas solitárias", não lhes interessa ajudar quem quer que seja a subir, a melhorar seus conhecimentos, pois acreditam que enquanto estiver em nível inferior, o estará bajulando e dele estará precisando. É uma maneira bem egoísta de ver a vida.
Acredito que o conhecimento dividido sempre acabará se ampliando.
Bem crianças, desejo a todos   UM LINDO DIA.

Marcial Salaverry
Enviado por Marcial Salaverry em 06/11/2005
Código do texto: T67933
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcial Salaverry
Santos - São Paulo - Brasil, 78 anos
19867 textos (1963634 leituras)
3 áudios (855 audições)
6 e-livros (2134 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 04:23)
Marcial Salaverry