Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O HOMEM VEGETAL

Ao ser indagado acerca do segredo da sua longevidade repleta de saúde e lucidez, o Sr. Tomoji Tanabe, japonês de 111 anos de idade, mais novo a receber o título de ser humano mais velho do mundo, respondeu: "Não bebo [álcool], esta é a maior razão para minha boa saúde".

Fora isso, dormir e acordar cedo, não comer carnes - exceto as de peixe (cru, é claro) - e ainda, não consumir nada que não seja fresco ou natural, são hábitos insubstituíveis no currículo daqueles que, como o Sr. Tanabe, pretendem chegar à mesma marca.

Uma vida de 111 verões passados sem uma cervejinha, 111 invernos sem um bom vinho, 111 viradas de ano sem um brinde de bons presságios. Qual o mérito de se passar pela vida sem nunca ter comido um churrasco, ou provado de nenhum desses alimentos gordurosos repletos de componentes químicos industrialmente preparados para serem deliciosos? Todos eles rotulados com listas de ingredientes ininteligíveis aos olhos dos consumidores.

Se tivesse tomado uma Coca-Cola com certeza há muito já estaria morto, mas não tomou, e eu sinceramente preferia que tivesse tomado. Alias, se um dia encontrá-lo pessoalmente – isso se eu não morrer antes, é claro - darei a ele uma lata de Coca de presente.

O Sr. Tanabe, na verdade, não é mais um ser humano, apenas tem o formato de um. Deixou de sê-lo a partir do momento em que começou a viver e a se comportar como um vegetal, até que, finalmente, tornou-se um deles.

Viver bem não significa viver muito, mas desfrutar MODERADAMENTE (em letras maiúsculas) de todas as coisas boas que estejam ao nosso alcance.


[Ricardo Henrique, Advogado e improvável candidato a substituir o Sr. Tanabe].

 
Ricardo Henrique
Enviado por Ricardo Henrique em 05/10/2007
Código do texto: T682485
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ricardo Henrique
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 34 anos
137 textos (14492 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 10:56)
Ricardo Henrique