Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NOVENTA ANOS DAS AS APARIÇÕES DE FÁTIMA

NOVENTA ANOS DAS APARIÇÕES DE FÁTIMA

Neste ano de 2007 comemoram-se os noventa anos, das aparições da Virgem Maria, a três pequenos pastores no local chamado Cova da Iria, em Fátima-Portugal, a primeira foi a 13 de maio repetindo-se a cada mês até  13 de outubro de 1917, quando então mais de 70.000 mil pessoas presenciaram a chamada dança do sol, pois o mesmo girou sobre si mesmo. Milagre prometido pela Virgem aos pastorinhos nas suas aparições anteriores.
Ao longo da história da humanidade, Deus nos tem dado sinais de sua presença entre nós, chamando-nos à conversão. O milagre do sol é um desses inequívocos sinais.
Maria é a mãe de Jesus e, nossa mãe também, por delegação do mesmo Jesus proclamado do alto da cruz. E como é reconfortante sabermos que temos uma mãe que intercede por nós junto ao próprio Deus!
O mundo católico, para não dizer o mundo cristão, está em festa.
Fátima foi proclamada pelos papas Capital Mariana Mundial, Centro Espiritual do Mundo. Não pelo fato de ali chegarem enormes multidões todos os anos (no passado, 2006, visitaram o santuário mais de cinco milhões de peregrinos vindos de todas as partes da Terra) mas por uma força maior, para a qual não há explicação, ou palavras que traduzam tão formidável fenômeno.
Que força é essa que arrasta tais multidões, de todas as raças, de todas as camadas sociais, de todo o mundo, que mistério é esse que exerce tamanho magnetismo sobre crentes e até os não crentes?
A Virgem Maria é invocada sob os mais diversos títulos, tantos que seria quase impossível aqui nomear, mas o de Nossa Senhora de Fátima é com certeza aquele que mais devotos tem em todo o globo terrestre. Aqui mesmo no Brasil são incontáveis os santuários erigidos à Virgem Maria sob a denominação de Nossa Senhora de Fátima , o que demonstra o quanto Ela é querida e venerada.
É bom aqui relembrar ainda que sucintamente a história de Fátima.
Antes das aparições de Nossa Senhora, Lúcia, Francisco e Jacinta – Lúcia de Jesus dos Santos, e seus primos Francisco e Jacinta Marto, todos residentes na aldeia de Aljustrel, freguesia de Fátima – tiveram três visões do Anjo de Portugal, ou da Paz.
A primeira aparição do Anjo deu-se na primavera ou no verão de 1916, e desenrolou-se da seguinte maneira, conforme narra a Irmã Lúcia:
“Alguns momentos havia que jogávamos, e eis que um vento forte sacode as árvores e faz-nos levantar a vista para ver o que se passava, pois o dia estava sereno. Então começamos a ver , a alguma distância, sobre as árvores que se estendiam em direção ao nascente, uma luz mais branca que a neve, com a forma de um jovem transparente, mais brilhante que um cristal atravessado pelos raios do sol.
... Não temais. Sou o Anjo da Paz. Orai comigo”...
Seguiram-se a segunda e terceira aparições do Anjo precedendo as aparições de Nossa Senhora que viriam a acontecer em 1917.
A quem interessar saber sobre as aparições e a Mensagem de Fátima, recomendo o livro: As aparições de Fátima conforme os manuscritos da Irmã Lúcia.
Muita coisa já se disse e virá a se dizer sobre as aparições de Nossa de Fátima. Mas para entender e aceitar este mistério, teremos de estar despojados de nosso orgulho de seres pretensiosamente superiores. Em verdade nada somos, ou somos apenas parte do grande mistério que fica muito além do que pretende a nossa vã filosofia.
                Eduardo de Almeida Farias.
Eduardo de Almeida Farias
Enviado por Eduardo de Almeida Farias em 12/10/2007
Código do texto: T691062
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Eduardo de Almeida Farias
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil
142 textos (15695 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 01:31)
Eduardo de Almeida Farias