Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Dona da minha cabeça!

Se fosse levar ao pé da letra a mitologia dos orixás diria que o dono(a) da minha cabeça seria um ser que se tornou divino, segundo a mitologia deles, mas se pensar de uma forma romântica, diria que a dona(o) da minha cabeça seria a pessoa que escolhi por companheira(o) para minha vida inteira.
A dona da minha cabeça seria aquela que me faz refletir sobre o amor, sobre a verdade, sobre a sinceridade, algo assim meio difícil de pensar, quando o “mundo” te oferece os prazeres momentâneos ela seria o escape, a fonte segura o lugar de descanso.
 Ela seria a pessoa que me daria o equilíbrio na vida, iria me orientar sobre o certo e o errado, contribuiria e acrescentaria as coisas boas que uma união traz um relacionamento verdadeiro.
 Nós sabemos que os textos sagrados sempre relatam a posição do homem como o dono, a palavra final, o responsável, o dono da benção prometida a seus filhos, mas no meu caso percebo algo diferente que se faz senhor no relacionamento não sou eu o homem, e sim a parte feminina, a mais forte com boas colocações e sempre acertada em seus conselhos.
Entendo que algumas culturas forçam para que o lado machista impere, muitas vezes agredindo a parte feminina, não dando voz ativa a elas, como são tolos e ignorantes não percebendo que elas com seus atrativos serão sempre os lados fortes do homem, o ponto de equilíbrio onde o homem encontrará o amor completo, mas onde vivo não é assim aqui as coisas são diferentes, elas tem o seu lugar de destaque algo que foi conquistado com muito suor e empenho, mas voltamos para ela que é a dona da minha cabeça, ela que tem o poder de me dominar com seu olhar, ela tem seus atrativos que me faz ama lá, e quem não ama um sorriso feminino desconhece a poesia de Cervantes como diz o poeta muitas vezes por pura ignorância cultural e sem sentido.
Aprendi a me render aos seus encantos, ao seu amor, sou feliz por nascer em uma nação onde existe a mais bela mulher do mundo, fui agraciado entre homens por ter você, diria que Afrodite me escolheu que Eros esteve ao meu lado quando te vi pela primeira vez, e que Deus me faz mais belo naquele dia!
E te deu o dom de ser a dona da minha cabeça!



Fabio Beltrame
Beltrame
Enviado por Beltrame em 17/10/2007
Código do texto: T698100
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Beltrame
São Paulo - São Paulo - Brasil, 41 anos
46 textos (11127 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 10:38)
Beltrame