Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Renaut Dalphine azul Jamaica da Tia Nega





Novamente transporto-me para minha querida Araraquara dos anos sessenta, e lembrar quando a Tia Nega comprou um carro novo. Um Renault Dalphine azul Jamaica.
Foi uma festa, pois sabia que com ele viriam muitos passeios e aventuras. E isto realmente aconteceu.
Ela, sempre carinhosa com os sobrinhos, gostava de nos oferecer longos passeios pela cidade.
Todos estes passeios tinham incluído alguns itens obrigatórios.
Os mais esperados eram: a passagem pelas fontes luminosas e também a do São Geraldo.
 A segunda, bem mais modesta que a primeira, mas que igualmente nos enchia os olhos.
Outro fato digno de nota era que a Tia Nega gostava de dirigir descalça, o que para mim era algo muito diferente.
O carro não era grande o suficiente para levar todos os sobrinhos, portanto existia um tipo de escala.
O carro, cheirando a novo, era muito bonitinho e confortável para o seu tamanho.
Na verdade, os passeios pela cidade já eram tradicionais mesmo antes da aquisição da tia Nega.
Antes disso, quem assumia as excursões era a sua grande amiga Nazaré.
O seu carro, um Stud Baker cinza era ainda menor, mas era o suficiente para nos levar para os tours pela cidade.
Engraçado que nunca mais vi a Nazaré depois destes tempos, mas tenho a sua fisionomia tão bem gravada na memória, que tenho a sensação que a reconheceria de pronto se a visse de novo.
A Tia Nega lerá estas linhas e verá que foram muito gostosas e inesquecíveis,  as  alegrias proporcionadas pelo “Renault Dalphine azul Jamaica da Tia Nega”.


Luiz A. G. Peixoto  – Em: “Minhas Memórias”
luiz peixoto
Enviado por luiz peixoto em 11/11/2005
Código do texto: T70053
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
luiz peixoto
São José dos Campos - São Paulo - Brasil, 63 anos
26 textos (2004 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 11:05)
luiz peixoto