Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Jesus, gênio da lâmpada e o papai Noel!!!

Lembro quando eu tinha sete anos de idade, sonhava em encontrar uma lâmpada mágica para ter três pedidos, e fazê-los ao gênio que saísse dela, como costumava sonhar muito e assistir alguns filmes pensava que a qualquer momento encontraria minha lâmpada então faria alguns pedidos. Eu sonhava com aquele carrinho de controle remoto que minha mãe não podia me dar, desejava milhões de pacotes de balas, chicletes e doce de amendoim que tanto tive vontade de comer, mas cresci e fiquei sabendo que aquele gênio que realizaria os meus desejos não existia muito menos o velho que carregava um saco de brinquedos todo fim de ano para dar presentes às criancinhas.
Meus sonhos e desejos de consumo agora eram lançados não no gênio, mas em Jesus e toda a noite ajoelhado passava muito tempo só pedindo, jogando nele tudo o que desejava dinheiro, trabalho, casa, carro, roupas, felicidade, saúde um casamento feliz sem brigas, sem doenças ou problemas, e todos os dias eu ajoelhava diante de Jesus e começava a mesma petição que me seguia à longa data, a prosperidade financeira era o primeiro desejo que queira realizar, gastava muito tempo nesse pedido então eu tinha que ser atendido por meu gênio depois vinham outros pedidos, meu gênio tinha que me atender afinal gastava algum tempo de joelhos todos os dias e ai dele se não me atendesse.
Então como o tempo traz a maturidade e o crescimento, percebi como tratamos Jesus como “o gênio da lâmpada” só muda de nome, nós ajoelhamos não para orar e adorá-lo, mas sim como um ritual de esfregar as mãos na lâmpada esperando que o gênio saia e realize todos os nossos desejos, ajoelhamos pedindo tudo que é satisfatório a nós, porque se o gênio não atender os nossos pedidos fechamos a cara, ficamos emburrados e por alguns dias o deixamos lado.
Existe ainda aquele que ordena, que ele faça tudo usando seu próprio nome como jargão de determinação, lembro de um certo pregador que disse:
Ao começar a pregar quero um carro importado com motorista para que me leve às igrejas, e que o gênio teria que dar senão...
E tem aqueles que mudam seu nome para papai Noel, porque no fim do ano esperam o presente de natal, ajoelhados pedem que agora o “papai Noel” lhe traga um presente, e para disfarçar o chamam de papai do céu.
Hoje não esfrego mais a lâmpada de joelhos em petição estou aprendendo a agradecer tudo o que Jesus já me deu e isso foi mais que suficiente, o prazer de conhecê-lo de verdade e não como o “gênio da lâmpada” ou “papai Noel”.
Ah! Fiquei sabendo que existe também o deus “coelhinho da páscoa” que da chocolate todo mês de abril, mas essa deixa para depois...
Fábio Beltrame
Beltrame
Enviado por Beltrame em 30/10/2007
Código do texto: T715882
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Beltrame
São Paulo - São Paulo - Brasil, 41 anos
46 textos (11111 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 09:17)
Beltrame