Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Momentos magicos

Grato pelos momentos mágicos que me fez viver em seus versos.
Nós sabemos o que custa, vencer a resistência tenaz de duas pernas unidas.Assim como sabemos o sabor amargo da falta de um carinho, um alento, o ar da madrugada soprando nossas faces, e nossos membros entorpecidos reclamando  ao despertar o frio esquecido, no corpo que se aquece.Novamente se “outonam” as arvores, folhas mortas caídas no chão, aquecendo o fim do inverno. Brilham as ruas sob a garoa fina e tardia espelhando no asfalto molhado, a velocidade dos poucos carros num “flash” veloz que os olhos não  acompanham.Ao calor fugaz dado ao transeunte solitário no porto do seu destino, e ao cantarmos uma melodia “entediante”, que nos sabe a passado sem futuro.E já mais tarde... quando os veleiros mentirem por quererem outros portos ansiados e nunca alcançados, e o ar marinho se infiltrar pelas narinas e preencher de mar nossos pulmões, talvez ai neste momento de paz nos perguntamos...porque e quem. Quem não teme perder, mesmo o que não se ama ?E porque temos mais medo de perder do que ganhar, já que vida não é ganho ou perda, mais valia ou menos valia, mais vaidades que encantos ...a vida é a vida e é bonita, e é para ser vivida.Para olhar a moça lendo na soleira da porta sob um sol de verão, os 100 anos de todas as solidões, “silhuetar” seus sonhos juntando-os aos meus, esta mulher, de versos lindos que me enternecem e me fazem sonhar, se despe de si e encarna de repente uma dama dos anos quarenta, espiando a vida numa fresta de cortina.Enquanto seus dedos mágicos tecem poesias que me alimentam ao anoitecer, me fazem sorrir ao recorda-los pela manhã.Quantas vezes acordei faminto de ler seus poemas, na madrugada silenciosa e solitária, para que além de mim ninguém os visse, como seus poemas fossem feitos para mim...e são para todos os que amam seus versos  S...tenha uma noite acalentada em versos e prosas.Que meu abraço encontre sua luz, que esta luz não falte ao seu sorriso, assim como sua presença, jamais esqueça de visitar meu cantinho.
Caros Said

Carlos Said
Enviado por Carlos Said em 31/10/2007
Reeditado em 30/09/2016
Código do texto: T717895
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Carlos Said
São Paulo - São Paulo - Brasil
208 textos (12770 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 10:16)
Carlos Said