Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DIA DOS NAMORADOS

DIA DOS NAMORADOS

Começava como todos os dias, nascia o Sol, saiam dos sonhos os inocentes, corriam para o trabalho os que o tinham. Mas eu estava de folga e ao lembrar que era aquele, o dia em que comemoramos o fato de duas pessoas se amarem, fui impulsionado pelo senso de poeta, a criar um lugar ideal para passarmos o nosso dia. Um lugar onde a música provinha da própria natureza, a bebida jorrava de uma nascente inesgotável, os vizinhos eram os vegetais e animais que nunca atrapalham a vida dos que se querem, e o céu vinha para perto de nós.  Foi minha imaginação que me levou a este lugar, talvez, só para lembrar de você. Lá estávamos extasiados, falando apenas com o coração e o meu ficava rouco de tanto dizer que te amava e o quanto gostaria que este dia jamais acabasse, nos intervalos de uma mesma canção, aquela que se ouvíssemos, jamais a esqueceríamos. Quando nos olhávamos nos olhos, os seus me diziam que gostaria de construir ali o nosso lar.
Jacó Filho
Enviado por Jacó Filho em 05/11/2007
Código do texto: T723921
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jacó Filho
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
3427 textos (290288 leituras)
1 e-livros (293 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 07:48)
Jacó Filho