Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A dor do crescimento é inevitável.

Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu; e o governo estará sobre os seus ombros; e o seu nome será: Maravilhoso Conselheiro, Deus Forte, Pai Eterno, Príncipe da Paz.
Isaías 9:6

A dor do crescimento é inevitável.

Tenho um filho de seis anos e vejo a cada dia o quanto ele sofre por estar crescendo.
Quem nunca viu pela rua uma criança que já está andando, pedir colo e a mãe não querer dar? Para quem está olhando acha até que a mãe é insensível e que não ama realmente o seu filho mas não é bem assim! Ela sabe, melhor que ninguém que se continuar a pegá-lo no colo fará com que se torne uma criança "fraca" emocionalmente falando. Claro que tem momentos em que a criança e elevada ao colo. Mas enquanto a mãe sabe que a criança pode andar, ela vai andar!
Meu filho já está sendo alfabetizado e estamos estimulado a sua atitude em prol da leitura. Antes, liamos o enunciado dos deveres de casa mas agora pedimos que ele tente ler. Ele faz disso um grande sofrimento! Chegando até a chorar para não querer ler mas nós (eu e minha esposa), sabemos que o que realmente está acontecendo é o sofrimento de estar crescendo e ter que ser cada vez mais responsável pela sua própria vida. E o que nós fazemos? Continuamos a querer que ele leia e explicamos que sabemos o que ele está passando mas queremos que ele se esforce para o seu próprio bem.
É assim também na nossa vida com Cristo! Quando tivermos que andar andaremos. Quando Ele puder nos levar nos braços, levará. Quando tivermos dificuldade em ler a sua Palavra, Ele entenderá nossa dificuldade mas nos estimulará, por meio do seu Espírito Santo, para a leitura diária das Escrituras Sagradas. Deus, como diz no Texto de Isaías, é Maravilhosos, seu Espírito Santo é o nosso Conselheiro, Ele quer que sejamos forte como ele, já que somos sua imagem e semelhança, por que Ele é um Deus Forte. Se andarmos com Deus não devemos temer a eternidade pois somos filhos Dele e Ele é o Pai da Eternidade, logo, ela é nossa irmã. E a paz que excede todo entendimento guardará nossas vidas em Cristo Jesus pois ele é o Príncipe da Paz.
Que através deste livro e dos testemunho aqui expostos possamos, junto suportar de uma forma mais branda a dor do nosso crescimento espiritual e nunca achar que conseguiremos caminhar para Cristo sem ter que sofrer .
Jesus mesmo nos avisa: "No mundo tereis aflições mas tende bom animo pois eu venci o mundo".
Carlos Barreto
Enviado por Carlos Barreto em 24/11/2007
Código do texto: T750376

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Carlos Barreto
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 42 anos
118 textos (109667 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 22:57)
Carlos Barreto