Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Espremidinha na calça!!

Estava eu, na minha sessão de tortura semanal.

Depois de alguns vira para lá, levanta aqui, e muito mais, minha depiladora que gosta um bocadinho de conversa me contou que estava fazendo a dieta da sopa!

- Dieta da sopa? Como é? – indaguei na hora. É só falar em dieta, novos exercícios e etc. que fico interessadíssima em saber como é.Só saber ,por que depois não faço nada!!!Mas adoro ficar bem informada, pelo menos cultura eu tenho!!!  Rs...rs...

Ela estava empolgadíssima, era super fácil. Bastava tomar a sopa por uma semana, e reduzir cinco quilos!! Uau,achei o máximo. Imagina perder cinco quilos agora prestes a começar o verão, entrar naquela calça do ano passado que eu já comprei apertada demais e agora nem fecha.

Bem que o meu marido falou: ”Acho que tu esta um pouquinho espremidinha aí dentro”. Nem dei bola na hora, a calça era linda e estava uma pechincha, sem contar que o cartão era dele!!!

Prontamente ela deu todo o serviço: bastava eu entrar no site da Ana Maria. Ali tinha não só a receita, mas também como fazer a dieta e a experiência relatada de várias pessoas de sua equipe. Depoimento de pessoas que fizeram e aprovaram, outras nem tanto, pois não agüentaram tomar sopa por sete dias.

 É sopa pra dedéu. Sopa no café da manhã, no almoço, no lanche, no jantar e na ceia.Ah, essa foi boa! Meu marido que diz: “ querendo emagrecer e fazendo ceia!!! Bem, eu adoro sopa, achei que ia ser mole, na verdade eu adoro tudo o que é de comer, seja lá o que for doce ou salgado não importa o que vale é eu estar mastigando.

Chegando em casa não tive dúvidas, entrei no site, copiei os ingredientes e fui a feira. Tudo facinho de encontrar. Para fazer também uma barbada. “O aroma ficou ótimo!”

Pensava eu satisfeita: puuuuxa deu um panelão, é sopa pra caramba! Também são sete dias.

Enquanto a sopa esfriava, eu planejava começar naquela noite mesmo. Era uma quinta fera, de qualquer forma não importava o dia ia acabar pegando um fim de semana. “Tudo bem, o que é uma semana, tudo na vida exige sacrifícios, ora”.

Acontece que meu marido chegou bem empolgado, tinha jogo do Internacional, e ele tinha combinado com uma galerinha para fazer um churrasco. Perguntou se eu não me importava de fazer uma salada de batatas.

“ Claro que não.” Respondi, adoro maionese (salada de batatas J ).

Fui colocar as batatas para cozinhar e dei de cara com a sopa. Ela lá do panelão me olhava, e eu do lado concentrava-me em cozinhar batatas e ovos. Começou a função. Tem coisa melhor do que cheirinho de churrasco? Para gaúcho acho que não.

Tudo bem! Decidi deixar a dieta da sopa para amanhã, bem melhor assim já começava de manhã e faria o dia todo. Ótimo ,melhor do que começar capenga, à noite. Começar de manhã! Isso mesmo, o dia começando com uma dieta. Perfeito!

Feliz da vida comi muita salada de batatas, afinal com a dieta da sopa iria perder cinco quilos. Era muito mais do que eu ia ganhar com aqueles pratos abarrotados de linguicinha, picanha...e sem esquecer da..da....salada de batatas.  rs

No outro dia de manhã, pensa que eu lembrei da sopa?

Já comecei tomando meu café de sempre.Café ao leite, pão e mantega, mais umas bolachinhas caseiras, não vivo sem elas. E tem mais lembrei que era aniversário do meu sobrinho. Estava marcado há semanas, uma pizzaria, criança adora, e eu também.

Pensei: “E agora? Vai estragar esta sopa toda”. O calor estava de matar, e eu sou tri encanada com comida parada, uma vez fiquei muito mal! Essa é outra historia, não vou divagar outro dia eu conto o estrago que fiz na minha saúde em teimar e comer umas sobrinhas... que de jeito nenhum podiam ir fora.

Já sei! Vou congelar!

Então congelei em pequenas porções. Depois da pizzaria, no outro dia era só descongelar uma parte e começar a dieta.

Vai dizer eu não sou muito esperta?

O problema é que hoje já se passaram vinte dias, isso mesmo vinte dias e a sopa continua lá congelada, e a calça linda que eu mal usei continua lá no roupeiro. Bem escondida por sinal, senão vou ter que ouvir ainda:

- Acho que tu está meio espremidinha nesta calça....



 

Simone Mottola
Enviado por Simone Mottola em 03/12/2007
Código do texto: T763577

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Simone Mottola
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 47 anos
193 textos (21026 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 04:13)
Simone Mottola