Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Calor

Ele provoca o fervilhar  do sangue de Sophie.
É instigante.
Deliciosamente apavorante.
Sabor de verão,  anjo malvado.
Os olhos azuis mascaram a inocência deste pecado.
Ela prende os cabelos para refrescar a nuca suada e quente. Precisa retornar do sonho, voltar a realidade,  há muito trabalho a fazer.
Os papéis espalhados sobre a mesa,  e  o pensamento ao longe, atravessa a ponte e vai até a Ilha dos seus desejos.  Sophie luta para retornar e concentrar-se no relatório a preparar, mas é impossível. Este homem estranho, alto, forte, que ela mal conhece e nem sabe o seu verdadeiro nome está dominando os seus pensamentos.
Levanta-se, vai até o bebedouro, entorna  uns dois copos de água gelada.
Volta ao trabalho, digita uns números, analisa, compara...
Ele volta, loiro, lindo...Provocante...
Calor, Sophie precisa fugir!
Vai até o pátio da fábrica, conversa com alguns funcionários, registra mais alguns dados.
“Eles são ótimos em refrigeração” – pensa, sarcástica.
Volta ao relatório, mais concentrada, conclui o trabalho.
Lindo, loiro, provocante...
É o diabo em forma humana,  que quer tirá-la da posição de boa menina.


Catia Schneider
Enviado por Catia Schneider em 05/12/2005
Código do texto: T81290
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Catia Schneider
Joinville - Santa Catarina - Brasil, 38 anos
147 textos (33308 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 05:16)
Catia Schneider