Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vida

  Olho para fora e vejo a chuva cair, fininha, sutil, delicada...Romântica, eu diria. Temperatura agradável, meus pés começam a esfriar...(já espirrei umas duas vezes). Ô mundão grande lá fora, agitado, os carros correm pra lá e pra cá. A vida moderna. Olho ao longe e tento ver além. A mata, verdinha, bem fechada, adorando o acariciar das gotas de chuva...Quanta vida existe lá dentro, que cheiro bom de terra molhada, lembranças da infância! Os passarinhos silenciaram, devem estar fazendo suas sestas, nos seus ninhos aconchegantes, protegendo os filhotes das gotas que ousam cutucar seus cocurutos. O balançar dos galhos e folhas das árvores formam um balé sincronizado, triste, harmonioso. É a vida, que nos cerca por todos os lados, intensa, passageira, a perdemos e ganhamos a cada instante. E quão magnífico é este poder, de moldar a vida conforme os nossos anseios, nossos instintos, nosso prazer. Cada qual a alvitrar-se a si mesmo. Contrariando ou não suas vontades. Desmerecendo-se  ou favorecendo-se a mercê de outrem.
Catia Schneider
Enviado por Catia Schneider em 12/12/2005
Reeditado em 13/12/2005
Código do texto: T84916
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Catia Schneider
Joinville - Santa Catarina - Brasil, 38 anos
147 textos (33311 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 04:19)
Catia Schneider