Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Como nasce um grande amor ?


Como nasce um grande amor?
Que indagação antiga,ela vem dos primórdios dos dinossauros,meus ancestrais perseguiam esta pergunta,mas ela de obsoleta nada possui.
O que é um grande amor?
O grande amor é o derrubar de gotas pela órbita,é fonema com carinho,é a presença da ausência,é genético,congênito,hereditário,imaculado é pré-concebido.Ele é pai,mãe,filho,homem mulher,carro,casa,chama,sorriso,idéia.
Cada grande amor tem seu perfil,ele pode ser Taj Mahal,mas pode também ser João e Maria,pode ser morango ou pode ser chocolate.
Mas,porém ,entretanto,todavia,pelo amor de Deus,como nasce o danado?
Bem onde ele nasce?Pode ser no abraço do inimigo,no brilho da pupila,na maciez da derme,na liga do perispírito
.Como ele nasce?Como ele nasce?Como ele nasce?
Ele nasce na morte de amores torpes,no fim dos amores possíveis,nasce no momento do ato de observar.
Você observa e compreende o ritmo sinusal do seu objeto de amor,você elimina a moldura e consome  o “ton sur ton” da pessoa,você abre o sulco sem saber se vai fecha-lo.
Quando um grande amor nasce ,troca-se o idioma,você contenta-se com o doce que é amargo,com o mel que é fel,com o ácido.
O amor nasce sagrado,sua heresia é construída por quem o sente,ele nasce do desejo,quem o anula é quem o sente,na verdade quem lhe tira a honra é quem o sente e não quem o tem.
O grande amor não é liquido,gasoso,sólido,mas nasce assim e só o detém quem o possui e não quem o sente,amor não se recebe,se doa,amor não morre,amanhece.
Amor não tem idade,não tem tempo.
Sintam-se meus amigos de biritas,música e sol,prontos para viver seus grandes amores e ainda assim não reconhece-los ou ainda assumi-los!
                   Bem vindos ao clube!!!
Anna Karenina
Enviado por Anna Karenina em 16/12/2005
Código do texto: T86523
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Anna Karenina
São Paulo - São Paulo - Brasil
60 textos (3750 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 10:38)
Anna Karenina