Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LADAINHA NA ROÇA

Luzia, minha colega de hidroginástica, morava na roça.
Todas as noites, seu pai reunia a família na sala para rezarem o terço, que era puxado por ele.
Todos, cansados da lida no campo, ajoelhavam-se perto de uma cadeira ou de um banquinho, para se escorarem e, até mesmo, cochilarem um pouco.
Luzia, por ser a caçulinha, ficava próxima ao seu genitor. Quando a menina pegava no sono, ele a levava no colo para a sua caminha.
Numa bela noite enluarada, os camponeses  terminaram o terço e o chefe da família começou a ladainha.
-Santa Maria!
-Rogai por nós!
-Santa Mãe de Deus!
-Rogai por nós!
-Santa Virgem das Virgens!
-Rogai por nós!
De repente, algo caiu no meio da sala e fez um barulho no soalho.
O homem olhou e, percebendo o que se tratava, disse no mesmo tom da reza:
-É uma perereca!
-Rogai por nós!


Anna Célia
Enviado por Anna Célia em 17/12/2005
Código do texto: T86972

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Anna Célia Dias Curtinhas _ http://annacelia.multiply.com/). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Anna Célia
Vitória - Espírito Santo - Brasil, 70 anos
1158 textos (55245 leituras)
1 e-livros (216 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 14:09)
Anna Célia