Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DOS BOATOS E FOFOCAS.

Ante a boatos, é fundamental que se busque a dimensão da ausência. Como nos ensina mestra Eni P. Orlandi, “toda língua está necessariamente em relação com o não-lá, com o não-mais-lá, com o ainda-não-lá e com o jamais –lá da percepção imediata”.  De modo que o problema dos SENTIDOS é um desafio e tanto. Ai daquele que não procura entender a constituição, a formulação e, sobretudo, a circulação de boatos, de fofocas.

Esses fenômenos, aqui, parafraseando Gabriel Naudé, têm cinco regrinhas norteadoras:1) trapacear; 2) é preciso simular algum proveito público; 3) não deve ser feito apressadamente; 4) atacar as partes frágeis do inimigo, 5) agir sempre com hipocrisia. Destarte, impera uma espécie de vale tudo para derruir o oponente.

No reino boateiro e fofoqueiro, ao menos dois ângulos de uma política do silêncio se fazem presentes. De um lado, temos o “Silêncio Constitutivo” caracterizado na trambicagem linguageira em que o sujeito, para dizer, apaga, adrede, outros sentidos. Do outro, há o “Silêncio Local ou Censura”, em síntese, é o que não se pode dizer de forma alguma.

Um boato ou fofoca “é um modo de dizer em que há sempre uma diferença a significar, um ruído (protesto, ou falta de verdade)”. Portanto, a relação palavra/silêncio é fundamental, pois nisso residem opções do dizer. Na expressão inteligente de Orlandi, “o boato é um estado pleno de silêncios”.

Que tenhamos Sabedoria, Serenidade e Humildade para analisar o que estamos fazendo e o que pretendemos fazer sem nos arrastarmos por entre boatos, fofocas e futricas.



Ary Carlos Moura Cardoso
Enviado por Ary Carlos Moura Cardoso em 18/12/2005
Reeditado em 25/03/2016
Código do texto: T88053
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Normal.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ary Carlos Moura Cardoso
Palmas - Tocantins - Brasil
1005 textos (256726 leituras)
1 áudios (296 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 09:01)
Ary Carlos Moura Cardoso