Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ser Ou Não Ser “ Turbinada”.

Ontem,comentei com um colega que estou escrevendo uma crônica sobre mulheres “turbinadas”. Ele foi logo dizendo: - Elas estão abusando! Você não imagina o que aconteceu comigo! Na semana passada encontrei uma amiga que fez uma cirurgia para implante de silicone nos seios. Eu nunca notei nada de errado com ela. . O mais estranho foi que eu mal pude olhar para ela. Seus seios grandes, estufados, pareciam querer explodir a qualquer momento no meu rosto.”Bem, tirando um pouco o exagero e a gozação desse meu amigo, ele não deixa de ter uma certa razão. Hoje o que impera é o modismo de que” quanto maior, melhor “.Eu não sou contra a colocação de silicone para aumento dos seios. Penso que as pessoas devem procurar se sentir bem, porém, todos os casos devem ser avaliadas e indicadas por um médico especializado.

Eu tenho uma prima que era tímida, possuía baixa auto-estima e pouquíssimos seios. Quando teve por um problema pessoal resolveu fazer psicoterapia. Depois de um certo tempo, junto com a sua mudança interior, ela também decidiu mudar externamente: colocou alguns litros de silicone nos seios. Não aumentou demais, pois o médico levou em consideração o seu biótipo. Nesse caso a cirurgia ficou esteticamente perfeita e foi um complemento para o seu processo de crescimento pessoal.

Bem, não é assim que acontece sempre. Atualmente existe um culto exagerado a beleza física. As pessoas vivem preocupadas com o exterior. Procuram uma sensualidade artificial. Esquecem que a sensualidade vem de dentro, do jeito de ser, viver e sentir a vida. Uma mulher para ser feliz não precisa ser escrava nem ter um corpo perfeito.

Eu até acho bonito uma certa flacidez, uma textura de fruta madura. Acho gracioso quando uma mulher passa e seus seios balançam acompanhando a cadências dos seus quadris. Ela pode até ter rugas, pois apenas evidenciam uma certa vivência, uma deliciosa sabedoria. Sempre que isso acontece, um silêncio de deslumbramento entra em cena.

Bem, feliz da mulher madura que encontra um homem que reconhece uma beleza além dos seus atributos físicos.

Roberto Passos do Amaral Pereira
Enviado por Roberto Passos do Amaral Pereira em 04/04/2005
Reeditado em 08/07/2006
Código do texto: T9588
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Roberto Passos do Amaral Pereira
Vitória - Espírito Santo - Brasil
1280 textos (127700 leituras)
11 áudios (1581 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 20:31)
Roberto Passos do Amaral Pereira