Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tempo de Recomeçar

Tempo de Recomeçar

Sempre teve muito orgulho de seus pais, agricultores e semi-analfabetos.
Cortou lenha até a maioridade, era um lenhador como muitos, mas que estudava a luz de uma fogueira e com muita luta e empenho, conseguiu cursar advocacia e tornar-se o maior presidente dos Estados Unidos de todos os tempos.
Entre muitos desafios e conquistas, um de seus maiores triunfos, foi à abolição da escravatura em seu país, abolição esta conquistada à força.
Um fanático! Muita revolta! Um disparo!
A noticia da morte por assassinato do ex-presidente americano Abrahan Lincoln em 1865, causada por um fanático sulista que não aceitava a idéia de que brancos e negros são exatamente iguais, demorou um tempo de mais de 20 dias para atravessar o Atlântico e espalhar-se por toda Europa.
Pouco tempo atrás à queda das “Torres Gêmeas” em Nova York, teve sua transmissão ao vivo e a cores para todo o globo. Todos nós acompanhamos, boquiabertos, um dos maiores absurdos que já se teve noticia, o atentado terrorista de 11 de Setembro de 2001, nunca mais saíra da historia da humanidade.
Uma historia de um tempo, que o tempo não esquecerá jamais.
Muito diferente ao tempo de Lincoln, vivemos no “tempo de agora”, um mundo globalizado. Hoje podemos assistir em tempo real a todos os acontecimentos mundiais, olimpíadas, copas de futebol, queda de presidentes e ascensão de mártires, até mesmo a guerra (a mais estúpida de todas as ações que o “gênero humano” pode proporcionar), acompanhamos no conforto de nossos lares, sem movimentos bruscos, basta apenas o aperto de um botão.
Satélites, celulares, Internet e todos os outros novos avanços tecnológicos. Não há fronteiras para as novas descobertas da ciência e os inventos da tecnologia e tome mais avanço tecnológico em alta velocidade digital. A cada dia uma novidade. A cada hora um novo acontecimento. A cada minuto uma nova informação. É tempo de noticias em quilos, da correria e da falta de tempo para tanta informação.
Nossas ações do dia a dia parecem estar congestionadas, espremidas pelos excessos dessas informações, noticias que em muitos dos casos infelizmente não nos dizem nada, não nos trazem nada de novo. E sevem apenas para nos preencher o tempo já tão escasso.
A única certeza é de que o tempo realmente não para.
O tempo! Mas temos tempo?
Quantos de nós, realmente “roubam” um tempo do seu tempo para se organizar?
Não se trata de organizar a casa ou o guarda roupas, não se trata de organizar os Cds na estante ou nossas pastas e arquivos no computador. Mas sim de organizar o seu intimo, equilibrar-se emocionalmente!
Os marinheiros do antigo Império Romano, amedrontados em remar nos mares revoltosos e em períodos de guerra, recebiam o seguinte “estimulo” de Pompeu (106-48 aC), um dos grandes generais de sua época, “navegar é preciso, viver não é”. Pompeu tem razão, “navegar é preciso”.
Mas, você pode contrariá-lo! Deixe seu velho “navio” no ancoradouro, o mar pode esperar!
É tempo de abandonar os remos, recolher as velas e desligar os motores.
Já é tempo de rever o seu próprio tempo.
É tempo de tomar as rédeas da situação. De um tempo, desconecte-se, desencilhe-se, flutue por algum tempo, relaxe e concentre-se em você, mande sua pressa para a UTI e se possível em sedação profunda.
Seja dono do seu tempo. Seja dono do tempo que o tempo faz!
Volte a fazer coisas que há muito tempo você não faz. Encontre-se com velhos amigos.
Caminhe um pouco, ande pelas ruas de mãos dadas com alguém que você ama.
Repare nos jardins, nas flores, nas arvores! Perceba que elas insistem e crescer e florescer, sem você notar, no seu tempo certo.
Tome um bom banho de chuva! Brinque com as crianças! Brinque como as crianças!
Seja uma pessoa alegre, mas não se engane, ter alegria não é exatamente participar de festas constantemente ou viver risonho o tempo todo ou ainda ter muito dinheiro para satisfazer todas as necessidades. Ser uma pessoa alegre é simplesmente viver em paz.
Não leve a vida, nem tão pouco deixe a vida te levar!
Mas sim viva a vida, cada dia no seu tempo.
O relógio faz um Tic-Tac de cada vez...quem é você para querer mudar isso?
Não perca tempo! Não deixe esta oportunidade passar!
Vamos lá ...tente....você não tem nada a perder!
Não fique sem saber para onde ir, não siga o vento, siga seus instintos, siga seus impulsos, siga um bom conselho.
Siga um bom exemplo, ainda há tantos por ai.
Há algum tempo um grande amigo disse-me “cada um nasce para o que merece!”.
Observe! Analise! Pondere! Se for preciso nasça de novo! Ainda há tempo!
Tente quantas vezes for possível, você consegue! Faça uma revolução no seu tempo!
Mire-se em Lincoln, de semi-analfabeto a letrado, de lenhador a advogado, de camponês a presidente, o maior presidente de todos os tempos.
Mire-se em Chico, em João Paulo ou Dulce, mire-se em Tereza ou Ghandi, mire-se nas muitas Maria, nossas vizinhas, que sozinhas criam seus filhos, mire-se na ingenuidade sincera de uma criancinha quando ela lhe diz “gosto muito de você”.
Viva além do seu tempo. Faça seu próprio tempo.
Faça agora! O tempo que o tempo não conhece!

Reginaldo Cordoa, futuro Administrador de Empresas e Apaixonado pela Vida.







Reginaldo Cordoa
Enviado por Reginaldo Cordoa em 09/01/2006
Código do texto: T96449
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Reginaldo Cordoa
Matão - São Paulo - Brasil, 46 anos
95 textos (23233 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 09:43)
Reginaldo Cordoa