Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Discurso de Formatura

Senhoras e Senhores,
Neste momento tão significativo, seria bom refletirmos sobre nossas vidas: o que buscamos? Para que estudarmos? Por que fazemos trabalhos escolares estafantes ou avaliações, às vezes, questionáveis? Enfim, por que devemos percorrer os caminhos da aprendizagem?
Reflitamos: conseguiríamos viver sem essa, digamos, torturante, vida escolar? (...) seus sorrisos lhes tarem. Devo crer impossível!
O ser humano nasceu para aprimorar-se. Não bastam apenas os ensinamentos ditados pela família, queremos mais... E se queremos mais, meus caros, é porque temos uma vida interior muito rica e que precisa da água redentora da educação. Essa água é a que move as pás do moinho de seus pensamentos, sensações, certezas e esperanças.
Uma das grandes, senão a maior característica da juventude é a curiosidade intelectual que impulsiona vocês a descobrirem-se e ao mundo a suas voltas.
Nesta etapa da vida estudantil, devem-se observar as profissões mais promissoras, mas, para que sua escolha seja definitiva, a orientação de todos nós, os chatos... pais, mestres e direção é preponderante, embora todos devamos ter a compreensão necessária e a paciência madura de também ouvi-los em seus anseios e sonhos...
Talvez tenhamos encontrado alguma resposta às perguntas anteriores: a importância do estudo global, e não-direcionado à carreira que julgamos adequada para possivelmente aplacar uma ou outra frustração. Não devemos ensinar de forma preconceituosa, atendendo a espectativas particulares desta ou de outra disciplina, como se unidade sem o todo fosse o conjunto todo. Chega de preconceito!(...)
Hoje, o mercado de trabalho exige, além do conhecimento específico de cada profissional em sua área de atuação, um elevado grau de interação com os problemas que cercam esse mundo moderno e paradoxalmente limitado pelas desigualdades... E, por isso, a cultura geral é fundamental.
Não nos sentimos peças de museu... Não nos sentimos esgotados em nossa capacidade de auxiliá-los, pois entendemos que, antes de nos considerarmos mestres, fomos aprendizes em nossa convivência com todos vocês... Estamos, portanto, abertos ao diálogo conciliador para lhes oferecer uma palavra de carinho e incentivo, uma orientação especializada, que será pautada sempre pelo princípio da fraternidade.
Não pretendemos ser somente mais um caminho, e sim um modelo a ser seguido por todos que aspiram a uma Nação mais forte, não remediada, mas curada dos males impostos por anos de silêncio e aculturação...
Não queremos mais falar e deixar que o vento espalhe as palavras, tampouco aprisionar essas mesmas palavras, isso já custou-nos caro, queremos educar, formar, humanizar, respeitar os direitos individuais...
Nossa sociedade tão carente precisa de nós. Precisa igualmente de vocês, de seu espírito jovem, comunicativo e... brincalhão! Esse bom humor e essa alegria são elementos fundamentais para o estabelecimento de um Brasil menos violento e desigual.
Parabéns a seus pais que tanto se sacrificam e esperam de vocês, sobretudo, que sejam, pessoas éticas e respeitem o Estado de Direito...; parabéns aos colegas professores que assimilaram a tarefa divina de informar com profissionalismo e amizade...; parabéns aos profissionais que nos dão suporte: coordenação e direção; e, principalmente, parabéns a vocês, queridos formandos e formandas, sem os quais o sonho de transformar o mundo jamais se tornará real...
Boa noite!
Nel de Moraes
Enviado por Nel de Moraes em 27/05/2005
Código do texto: T20178

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e o link para o site www.neldemoraes.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Nel de Moraes
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 56 anos
407 textos (351738 leituras)
2 e-livros (297 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 07:46)
Nel de Moraes