Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cada vez que...

Cada vez que eu quiser te telefonar, cada vez que eu quiser ouvir sua voz, eu vou brigar comigo, eu vou chorar, mas eu não te telefono mais.

Cada vez que eu quiser fazer uma surpresa, uma bobagem, só pra ver teu sorriso, de novo vou brigar comigo, mas não apareço mais.

Cada vez que eu quiser dormir contigo, e cada vez que eu quiser acordar ao seu lado, eu vou chorar, dessa vez mais, muito mais, mas de hoje em diante, eu durmo sozinho.

Cada vez que me disserem que não existe amor eterno, que não existe amor verdadeiro, eu vou chorar, vou lembrar de ti e vou chorar, mas eu não te digo mais que te amo.

Cada palavra que eu escrever pensando em você, eu vou chorar, mas uma hora eu não escrevo mais.

Cada final de semana que eu comer pastel, eu vou lembrar de você, e eu vou chorar, mas eu não comerei mais pastéis.

Cada foto nossa que eu vir, eu vou chorar. Mas os porta-retratos se perderão nas mudanças, e eu não olharei mais.

Cada vez que eu lembrar que fui chato, sufocante, insistente, cansativo, eu vou chorar. Mas outras lembranças virão.

Hoje eu choro. Penso em você e choro. Penso no que perdi, e choro.

Mas eu não chorarei mais.

Não chorarei mais, porque te amo.

Porque eu sei que por te amar, eu fiz o meu melhor.

Porque eu sei que também fiz coisas erradas. Sim, eu as fiz.

Mas eu te amo.

E choro.
DanteOlivares
Enviado por DanteOlivares em 03/09/2007
Código do texto: T637397
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
DanteOlivares
São Paulo - São Paulo - Brasil, 35 anos
31 textos (3183 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 22:24)
DanteOlivares