Capa
Cadastro
Textos
┴udios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

X˘ Tristeza...

 
Se a  tristeza vier por qualquer motivo,
faça o seguinte:
Evite as sombras que ficaram para trás.
Assopre o pensamento triste,
deixe escorrer a útilma lágrima,
e conte até vinte.
Abra então a janela, aquela que dá para o vôo dos pardais,
 procure a luz que pisca adiante.
Ao encontrá-la, coloque-a dentro do peito, de tal jeito que possa ser notada do lado de fora; acrescente agora uma pitada de poesia, do tipo que passa por nós todos os dias e nem sequer consegue ser notada; aumente o brilho com toda a intensidade de que um sorriso é capaz.
A felicidade é o seu limite...
E o paraíso é você mesmo quem faz.
 
Ivete Tayar
(autora)
 

 
Se a tristeza vier...
deixa que aloje em seu coração.
Não divida essa dor,
faça dela sua aliada,
Penetra fundo em sua alma.
Explora o caminho que ela percorre
lado a lado, passo a passo.
Se encha de tristeza
até não ter mais espaço
até não aguentar mais...
Exploda seu coração
de tristeza...
Brilha em sua solidão!
Só aí, ela poderá sair.
Começará a fluir de dentro para fora.
Sairá escorrendo, derretida,
pelos seus poros, pelas suas lágrimas,
levando com ela a dor, a mágoa e a solidão.
 Quando a tristeza sai vencida, cansada,
de ser iluminada por você,
num processo natural, do ir e vir
ressurgirá repondo o espaço vazio:
a alegria, a felicidade
a vontade de amar,
que ficarão plantadas
em seu mistério
E terá descoberto o poema
a flor, o som, a canção.
 
Sperazzo
(Autora)

Direitos Autorais Reservados
Lei nº 9.610
Ive
Enviado por Ive em 13/03/2006
Reeditado em 20/03/2006
Cˇdigo do texto: T122496
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
217 textos ( leituras)
(estatÝsticas atualizadas diariamente - ˙ltima atualizašŃo em 10/12/16 01:26)