Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tua ausência...minha doença- Eneida L lemos/Ausência ... minha Loucura -Patty Ortiz

Tua ausência...minha doença
Eneida L Lemos(10/12/05)
 
Tua ausência tornou-se a minha doença,
Ocasionada pela dor que sinto e que não tem cura ...
Como sobreviver, a esta tortura?
De uma vida sem motivação,
Já que te perdi, e junto levaste meu coração.
Doença de alma perdida, é tudo o tenho agora,
Sem saber onde achar a cura para tamanha dor.
Veja !
Olhe bem onde me colocaste...num imenso labirinto vazio,
Onde nada se tem a não ser recordação...
Falta tudo aqui, carinho, amor, felicidade,
Um mundo onde só se sente saudades...
Porque não consigo te matar dentro de mim?
Para curar esta dor, me libertar  e sobreviver...
Tento todos os dias matar você aqui, bem dentro de minha alma,
Mas a cada dia que passa, só consigo  matar a mim mesma.
Já que tua ausência é a minha doença ...
E  este amor que sinto por você, me destrói aos poucos,
Em cada lagrima derramada...como se fosse uma facada...
Profunda em meu peito, fazendo ele sangrar, e me fazendo chorar.
Este sentimento esta me destruindo, e eu não sei o que fazer,
Onde procurar paz, onde achar prazer, se tudo que toco me lembra nós dois...
Luto para reverter este amor em ódio...e tudo que consigo é te amar ainda mais.
Onde achar a cura para tanto sofrer, já que o único remédio é você?
Ironia do destino!
Felicidade , alegria, angustia  e dor,
Juntas em um único remédio...que cura, mas que também mata...
O meu  amor.

 
Ausência ...  minha Loucura
Patty Ortiz
13/12/2005

 
Ausência para quem ama
é dor que dilacera o peito
É chaga que não tem cura
Deixa marcas até  em nossos prrincipios vitais
Se torna tortura que vira loucura
Obsessão , pesadelo ,apatia e aflição
Busca constante que nunca acaba
È  ver o que não existe;  ter idéias e pensamentos mágicos
É buscar nas lembranças o acalanto para a dor
È conhecer na verdade o quanto pode machucar o amor
È um desejo tão forte de acordar de um pesadelo
Poder encontar você, saber que não se está louca
E que  se existe loucura essa loucura  se chama entrega
Essa loucura se chama AMOR .



 
Repasse com os devidos créditos
Eneida L Lemos
Enviado por Eneida L Lemos em 26/04/2006
Reeditado em 26/04/2006
Código do texto: T145838
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Eneida L Lemos
São Paulo - São Paulo - Brasil
115 textos (4225 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 08:13)
Eneida L Lemos