Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AS FLORESTAS NO ORIENTE MÉDIO

AS FLORESTAS NO ORIENTE MÉDIO

DUETO

poema escrito na antiguidade

MÁRIO OSNY ROSA

"Um dia as árvores se puseram a caminho
QUERIAM CHEGAR A SEU DESTINO
para ungir um rei que reinasse sobre elas.
LOGO A LIQUIDARAM O REINADO ELAS CORTANDO.
Disseram à oliveira: 'Reina sobre nós!'
SOBRARAM AS OLIVEIRAS MESMO SEM REINAREM!
 
A oliveira lhes respondeu:
COM DOR LOGO PERGUNTOU:
'Renunciaria eu ao meu azeite,
FICOU SÓ ELA POR PRODUZIR AZEITE,
que tanto honra aos deuses como aos homens,
COM ELE TERIAM LUZ ALIMENTO UNGÜENTO,
a fim de balançar-me por sobre as árvores?'
NÃO QUERIA DOMINAR AS OUTRAS ÁRVORES.
 
Então as árvores disseram à figueira:
AS ÁRVORES CONVOCARAM A FIGUEIRA
'Vem tu, e reina sobre nós!'
VEM REINAR SOBRE NÓS PELA SUA GRANDEZA!
 
A figueira lhes respondeu:
ELA LOGO RESPONDEU:
'Iria eu abandonar minha doçura
NÃO VOU ABANDONAR É UMA LOUCURA
e o meu saboroso fruto,
NEM MEU FRUTOS SABOROSOS,
a fim de balançar-me por sobre as árvores?'
NÃO VOU BALANÇAR, POIS NO SOU REI DA FLORESTA.
 
As árvores disseram então à videira:
NUM CONVITE A VIDEIRA:
'Vem tu, e reina sobre nós!'
UMA LOUCURA VERDADEIRA!
 
A videira lhes respondeu:
SUA RESPOSTA FOI INTEIRA:
'Iria eu abandonar meu vinho novo,
NEM POSSO SER POR UMA MOMENTO,
que alegra os deuses e os homens,
MINHA FUNÇÃO É ALEGRAR E COM TODOS DANÇAR,
a fim de balançar-me por sobre as árvores?'
MINHA RESISTÊNCIA POUCA PARA ENFRENTAR AS ALTURAS?
 
Então todas as árvores disseram ao espinheiro:
LÁ CHAMARAM OS ESPINHEIROS LINDO BELO E ALTANEIRO:
'Vem tu, e reina sobre nós!'
NUNCA NOS DEIXE A SÓS!
 
E o espinheiro respondeu às árvores:
LOGO ELE SE APRESENTOU:
'Se é de boa fé que me ungis para reinar sobre vós,
SE FOR POR VOSSAS VONTADES LOGO SEREIS ABRIGADAS,
vinde  e abrigai-vos à minha sombra.
NA SOMBRA DA MINHA COPA SEMPRE ALVO DOS RAIOS.
Se não, sairá fogo dos espinheiros
DOS FOGOS QUE IMPERA NOS CÉUS
e devorará os cedros do Líbano!'".
DEVOROU AS MATAS DO ORIENTE MÉDIO!

SÃO JOSÉ/SC, 26 DE JULHO DE 2.006.
morja@intergate.com.br
www.mario.poetasadvogados.com.br
Asor
Enviado por Asor em 26/07/2006
Código do texto: T202317
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Asor
São José - Santa Catarina - Brasil
1677 textos (36864 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 00:00)
Asor